Ponta Porã, Quinta-feira, 26 de abril de 2018
03/11/2017 19h30

Artigo: Os humilhados serão Exaltados, por Eloir Vieira

Artigo: Os humilhados serão Exaltados, por Eloir Vieira

Divulgação: Dora Nunes
 
 

"E o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e o que a si mesmo se humilhar será exaltado" (Mateus 23.12).

Jesus nos ensina a se humilhar e não se exaltar: "E disse também esta parábola a uns que confiavam em si mesmos, crendo que eram justos, e desprezavam os outros: Dois homens subiram ao templo, a orar; um, fariseu, e o outro, publicano. O fariseu, estando em pé, orava consigo desta maneira: Ó Deus, graças te dou, porque não sou como os demais homens, roubadores, injustos e adúlteros; nem ainda como este publicano. Jejuo duas vezes por semana e dou os dízimos de tudo quanto possuo" (Lc 18.9-12).

Fariseu: Relativo a ou membro de grupo religioso judaico, surgido antes de Cristo, que vivia na estrita observância das escrituras religiosas e da tradição oral; o grupo foi acusado de formalista e hipócrita pelos Evangelhos. O fariseu se considerava autossuficiente e merecedor da aprovação de Deus; confiante por jejuar, dizimar, não roubar, não matar, não adulterar; se julgava perfeito, justo; e por isso, melhor que as outras pessoas que não tinham uma religião e não viviam como ele.

Continuando a narrativa das palavras de Jesus: "O publicano, porém, estando em pé, de longe, nem ainda queria levantar os olhos ao céu, mas batia no peito, dizendo: Ó Deus, tem misericórdia de mim, pecador! Digo-vos que este desceu justificado para sua casa, e não aquele; porque qualquer que a si mesmo se exalta será humilhado, e qualquer que a si mesmo se humilha será exaltado" (Lc 18.13,14).

Publicano: Cobrador de impostos no Império Romano. Pela sua postura no templo, revela-se um pecador reconhecedor dos seus pecados, arrependido, pedindo o perdão de Deus! Procedimento humilde de uma pessoa que crê e que teme a Deus; que mesmo sabendo e reconhecendo não ser merecedor por ser pecador, quer o perdão e a salvação.

Na igreja de Cristo existem muitos "fariseus" que confiam em si mesmos, crendo que são justos e desprezam os outros; acusando-os dos seus pecados; julgando-os e condenando-os! Entretanto, pregam, mas não praticam: "Então, falou Jesus à multidão e aos seus discípulos, dizendo: Na cadeira de Moisés, estão assentados os escribas e fariseus. Observai, pois, e praticai tudo o que vos disserem; mas não procedais em conformidade com as suas obras, porque dizem e não praticam" (Mt 23.1-3). Jesus adverte os "fariseus" de hoje: "E o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e o que a si mesmo se humilhar será exaltado" (Mateus 23.12). A paz de Cristo esteja com você!

Envie seu Comentário