Ponta Porã, Quarta-feira, 17 de janeiro de 2018
06/09/2017 15h40

Artigo: Sinais da vinda de Cristo

Por: Eloir Vieira

Divulgação
 
 

"E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane" (Mt 24.4).

Jesus ensinou aos seus discípulos, todas as coisas que deveriam acontecer, até sua volta e o fim do mundo. Seus discípulos, querendo mais detalhes, perguntaram sobre a destruição do templo em Jerusalém que dissera Jesus, e que aconteceu no ano 70 depois de Cristo, quando Roma invadiu a cidade e destruiu tudo, não ficando pedra sobre pedra que não fosse derribada. Perguntaram também sobre que sinal haveria de aparecer quando da sua vinda, e quando aconteceria o fim do mundo: "E, estando assentado no monte das Oliveiras, chegaram-se a ele os seus discípulos, em particular, dizendo: Dize-nos quando serão essas coisas e que sinal haverá da tua vinda e do fim do mundo? E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane" (Mt 24.3,4).

A preocupação de Jesus, tanto para com seus discípulos, quanto para todos os cristãos, é a respeito da enganação que haveria de vir a partir dali até sua volta. Jesus deixou bem claro que muitas coisas iriam acontecer, mas que eles olhassem e não ficassem preocupados, porque seria apenas o princípio de uma grande tribulação que deverá acontecer quando chegar o tempo marcado por Deus. Esse tempo não foi revelado nem o dia nem a hora, mas podemos contemplar a confirmação do que disse Jesus, observando cada detalhe que acontece no mundo todo e que foi dito por Ele.

Veja o que disse Jesus sobre os sinais que antecederiam a sua vinda: "Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos. E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e pestes, e terremotos, em vários lugares. Mas todas essas coisas são o princípio das dores. Então, vos hão de entregar para serdes atormentados e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as gentes por causa do meu nome. Nesse tempo, muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se aborrecerão. E surgirão muitos falsos profetas e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos se esfriará. Mas aquele que perseverar até o fim será salvo. E este evangelho do Reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as gentes, e então virá o fim" (MT 24.5-14).

Observe: "Mas todas essas coisas são o princípio das dores" (Mt 24.8). O princípio das dores é este período, entre a primeira e a segunda vinda de Cristo. Porque quando vier, haverá uma grande tribulação nunca vista na terra antes que Jesus apareça: "Pois que, quando disserem Há paz e segurança, então, lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida; e de modo nenhum escaparão" (1Ts 5.3); "Porque virá como um laço sobre todos os que habitam na face de toda a terra" (Lc 21.36). Diante das evidências de que Jesus está voltando, entregue sua vida a Ele agora!

Envie seu Comentário