Ponta Porã, Quarta-feira, 24 de janeiro de 2018
10/03/2017 15h

Leia - Coluna de Roberto Costa

Leia - Coluna de Roberto Costa

Divulgação: Dora Nunes
 
 

REFORMA I – Deputados componentes da base aliada do governador Reinaldo Azambuja ainda não entenderam o pedido de urgência solicitado para votação de matéria que vai mexer na economia estadual. **

REFORMA II – Mesmo admitindo que faça parte da ‘tropa de choque’ do Governo, o deputado Dr. Paulo Siufi ressaltou que analisará com bastante cautela a Reforma Administrativa encaminhada à Casa de Leis. **

CADAFALSO I – Em delação premiada Marcelo Odebrecht confirmou que ‘liberou’ R$ 150 milhões para a chapa Dilma-Temer. A pergunta que não quer calar: Quem é que vai ter a coragem de puxar a alavanca? **

CADAFALSO II - Em nota, Dilma classificou a informação como "mentirosa" e "um insulto à sua honestidade", negando que tenha pedido recursos da Odebrecht ou autorizado pagamentos por fora a prestadores de serviços. **

SUSPENSE – Em se confirmando o pedido de aposentadoria do juiz federal, Odilon de Oliveira, fica no ar o caminho que o mesmo irá trilhar: banca advocatícia ou concorrer à Câmara Federal e/ou Senado da República? **

GUILHOTINA – Alguns prefeitos e vereadores aguardam ansiosos o desfecho das ações movidas pelo Ministério Público que os acusam de abuso do poder econômico durante a campanha política de 2016. **

PECADORES – Políticos travestidos de religiosos usam e abusam da boa-fé dos eleitores, sobretudo dos mais humildes que habitam a periferia de Campo Grande. O dia do juízo final virá. Aguardem! **

ESPECULAÇÃO – Com base na renovação registrada na Câmara Municipal da Capital do Estado, tem gente apostando que na Assembleia Legislativa não será diferente. O poder de mudança sempre esteve ao alcance do eleitor. **

PIADISTA – O jornalista Laureano da Rosa Secundo não tem economizado criticas aos políticos, todas, diga-se de passagem, bem fundamentadas. Como o eleitor tem memória curta... **

AGIOTAS – Enquanto os banqueiros continuarem ditando as regras na economia nacional, aquele disposição governamental de cortar os juros pela metade sabe quando é que tal medida será efetivada? **

DESIGUALDADE – Uber, Táxi e Mototáxi, efetivamente falando não, são e jamais serão iguais conforme preconiza a Constituição Federal, se o aplicativo continuar isento do pagamento de qualquer taxa. **

INJUSTIÇA – Contribuir com a Previdência por 49 anos para quem já fez o pé-de-meia com o dinheiro de propina da Odebrecht, a causa governamental é mais do que justa, é extremamente necessária. **

DROGAS – O Ministério da Justiça deveria liberar recursos cada vez mais volumosos para os organismos sul-mato-grossenses responsáveis pelas maiores apreensões de maconha, cocaína e crack do país. **

KURT COBAIN – "Todas as drogas são uma perda de tempo. Elas destroem sua memória, seu respeito e tudo que tem a ver com a sua autoestima. Elas não são boas de forma nenhuma". **

Envie seu Comentário