Ponta Porã, Domingo, 22 de janeiro de 2017
27/12/2016 15h40

Leia: Coluna por Roberto Costa

Leia: Coluna por Roberto Costa

Divulgação: Dora Nunes
 
 

CONGELAMENTO I – Por determinação da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Campo Grande, ficou estabelecido que o salário dos vereadores, fixado em R$ 15.031,76, não sofrerá nenhum reajuste por mais quatro anos. **

CONGELAMENTO II - A proposta aprovada em sessão extraordinária também fixou o subsídio mensal do prefeito (Marquinhos Trad) de Campo Grande em R$ 20.412,42 e da vice-prefeita (Adriane Lopes) em R$ 15.308,66. **

CONGELAMENTO III – Quanto ao subsídio mensal dos secretários municipais, procurador-geral e titulares das entidades da administração indireta – agentes políticos, a Câmara estabeleceu o teto R$ 11.619,70. **

SOLIDÁRIO – Na condição de cidadão que trabalha oito horas por dia e dependente do SUS (Sistema Único de Saúde), em solidariedade ao prefeito, vice, secretários municipais e vereadores, vou exigir o congelamento do salário mínimo em R$ 880. **

INTOCÁVEIS – Carlos Alberto Assis (Administração e Desburocratização), Sérgio de Paula (Casa Civil), Márcio Monteiro (Fazenda) e Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica), são os homens de confiança do governador Reinaldo Azambuja. **

PREOCUPADÍSSIMOS – Por conta da intensa fiscalização que por certo serão exercidas pelo Ministério Público, Gaeco e Tribunal de Contas do Estado, alguns futuros prefeitos precisam estar atentos na composição dos seus secretariados. **

SACANAGEM – O TCE-MS interveio em busca de informações sobre o valor da tarifa do transporte coletivo fixada em 3,53. Não deu em nada. O usuário agora está pagando 3,55. Não teria sido melhor se o valor fosse arrendado para 3,50? **

ENTRADA RESTRITA – Até o dia 6 de janeiro de 2017, o acesso ao prédio do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul para pessoas e veículos se dará, exclusivamente, pela portaria da Av. Desembargador Leão Neto do Carmo. **

GASPARZINHOS – O trabalho de exorcismo era para excluir da folha de pagamento da prefeitura somente os chamados funcionários ‘fantasmas’ que estavam possuídos pelo ‘espírito de porco’ da OMEP E SELETA. **

OXIGÊNIO FINANCEIRO I - O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou a renegociação das dívidas dos estados com a União (Projeto de Lei Complementar 257/16, do Executivo). **

OXIGÊNIO FINANCEIRO II – Pela proposta, de acordo com a Agência Câmara, os estados poderão ter o pagamento de débitos alongados por mais 20 anos, com descontos nas parcelas até julho de 2018 e novos indexadores. **

TÁ QUEBRADA!? – O pedido de recuperação judicial da Oi, que cita no processo R$ 65,4 bilhões em dívidas, é o maior da história do Brasil. Mesmo assim a empresa continua investindo pesada na mídia. **

PERGUNTA – Se a situação financeira do Estado de Mato Grosso do Sul não é das piores, não se compara ao Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, a reforma administrativa anunciada é realmente necessária? **

DERRETEU – Em decorrência dos absurdos que andou cometendo no exercício do mandato de vereador, o palhaço Chocolate vai ter que arrumar novo picadeiro para trabalhar a partir de 1º de janeiro de 2017. **

SQNTO DE CASA – O futuro prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, do PSD, vai ter que fazer ‘milagres’ para livrar a cidade dos buracos existentes nas vias públicas, saúde, educação, segurança, habitação, infraestrutura... **

TEXTO JUDAICO – "O milagre não prova o impossível; serve, apenas, como confirmação do que é possível." **

Envie seu Comentário