Ponta Porã, Domingo, 20 de maio de 2018
04/01/2018 15h30

Jovem que teve testa tatuada é batizado em igreja evangélica.

Em uma clínica de reabilitação onde ele está internado desde junho.

Mídia Max
 
 

O jovem que ficou conhecido por ter a testa tatuada, após a suposta tentativa de furtar uma bicicleta em São Paulo, foi batizado pela Igreja Renascer em Cristo, no estado. De acordo com a Veja, o batismo ocorreu no dia 30 de dezembro, na piscina da clínica de reabilitação onde ele está internado desde junho do ano passado, em Mairiporã (SP).

O rapaz teve a frase "eu sou ladrão e vacilão" tatuada na testa no ano passado. Na ocasião, o tatuador Ronildo Moreira de Araújo, 29 anos, e seu vizinho Maycon Wesley Carvalho dos Reis, 27, filmaram o ato, que seria uma retaliação pela tentativa de furto. Eles foram presos em junho, em São Bernardo do Campo (SP), acusados do crime de tortura.

Líder da igreja responsável pelo batismo, Caio Magnobosco publicou no Facebook, nesta quarta-feira (3/1), uma foto dele abraçado ao jovem.’ ‘Agora, pois, permanecem a fé, a esperança, o amor, estes três; mas o maior destes é o amor.’ 1Coríntios:13:13 #NãoÉVacilão #ÉAmadoDoSenhor", escreveu na rede social.

De acordo com a reportagem, o rapaz já passou pela primeira das cinco sessões de tratamento a laser para remover as inscrições. Ele está internado em uma clínica onde se recupera da dependência química e recebe atendimentos psicológico e psiquiátrico.

Envie seu Comentário