Ponta Porã, Quinta-feira, 23 de março de 2017
20/03/2017 15h20

Encontrada em estrada pode ter sido assassinada em motel e não estava grávida

Ela foi asfixiada e não estava grávida

Midiamax
 
 

Cristiane Silva Gonçalves, de 38 anos, foi morta por asfixia, conforme apontou exame feito no Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) de Coxim, MS. A princípio foi informado que ela estaria grávida, mas o fato não foi confirmado.O corpo da vítima foi encontrado na madrugada desta segunda-feira (20).

Segundo informações do site Edição MS, a mulher sofreu algum tipo de agressão que a deixou com ferimento na cabeça, possivelmente um soco. O exame necroscópico apontou que ela foi asfixiada, mas a polícia trabalha para tentar identificar como o crime aconteceu.

Até o momento, a informação é de que Cristiane foi até um motel da cidade com o suspeito de cometer o crime e manteve relações sexuais com ele. Em seguida, uma discussão teria gerado a agressão que causou a morte da vítima. A suspeita é que ela estava nua quando foi assassinada e que o criminoso a vestiu e abandonou o corpo nas margens da estrada.

Na bolsa da vítima estavam roupas íntimas e uma sandália. O caso é tratado como feminicídio e investigado pela Delegacia de Atendimento à Mulher de Coxim, que já tem um suspeito. O homem estaria envolvido em casos de violência doméstica contra a vítima, registrados em boletins de ocorrência na delegacia da cidade.

Envie seu Comentário