Ponta Porã, Domingo, 21 de janeiro de 2018
08/07/2017 09h10

Mulher morre ao ser arremessada de veículo que fugia da Polícia Militar

Segundo informações, o veículo trafegava em alta velocidade para fugir da polícia, pois o condutor estava sob efeito de drogas.

Campograndenews
 

Ariane Franca Tomaz, 21 anos, morreu ao ser arremessada de um Peugeot 307 durante capotagem no fim da noite de sexta-feira (7) em Naviraí- MS. Segundo informações do boletim de ocorrência, o veículo trafegava em alta velocidade para fugir da polícia, pois o condutor, Marcos Antônio da Silva, estava sob efeito de drogas.

Segundo consta no registro, uma viatura da PM (Polícia Militar) flagrou o Peugeot e um Honda City, ambos com placas de Santa Catarina, andando bem lentamente na pista e atrapalhando os demais veículos.

Quando os policiais tentaram ultrapassá-los, foram fechados pelos condutores daqueles automóveis, o que chamou a atenção da equipe.

Em determinado momento, o Honda City e o Peugeot 307 arrancaram em alta velocidade, dando início a uma perseguição. O primeiro foi interceptado na Avenida América Fukuda quando bateu em outros carros que estavam parados aguardando o sinal abrir. O condutor desceu e fugiu, não tendo sido encontrado.

Já o automóvel em que estavam Ariane e Marcos Antônio tomou rumo desconhecido. Os militares foram até o pedágio e descobriram que eles haviam capotado.

No local eles encontraram o casal ferido. Corpo de Bombeiros foi chamado e chegou a prestar atendimento à mulher, mas ela não resistiu aos ferimentos. O condutor, por sua vez, foi levado ao hospital, conde confessou ter usado drogas.

Envie seu Comentário