Ponta Porã, Segunda-feira, 22 de janeiro de 2018
04/12/2017 16h30

Padrasto é preso suspeito de estuprar menina ao sair para buscar cachorro.

Ele negou, mas exames mostraram conjunção.

Mídia Max
 
 

Foi preso neste domingo (3) sob a acusação de estuprar a enteada de 10 anos, na cidade de Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, um homem de 22 anos. Na delegacia, ele negou os abusos.

A menina teria contado a avó em prantos que tinha sido estuprada pelo padrasto ao sair com ele para buscar uma máquina de lavar roupas e um cachorro nas proximidades. Com a demora da menina e do homem a tia passou a ligar insistentemente, mas a resposta que recebia é que estavam a caminho.

A criança disse que o padrasto a teria obrigado a colocar roupas íntimas para ele. Ainda segundo o site Durados News, exames feitos na criança comprovaram a conjunção carnal recente. Ela ainda disse que os abusos eram constantes.

O homem tem uma filha com mãe da menina e na delegacia ele negou o crime, mas acabou autuado e preso por estupro de vulnerável.

Envie seu Comentário