Ponta Porã, Sábado, 20 de janeiro de 2018
30/12/2017 07h50

Polícia registra furtos em Amambai e na região

Larápios agiram também em Tacuru, Paranhos, Sete Quedas e Coronel Sapucaia.

Agazetanews
 
 

Entre quarta-feira (27) e essa sexta-feira, dia 29 de dezembro, as delegacias de Polícia Civil registraram casos de furto em Amambai e mais pelo menos quatro cidades da região de fronteira, no Cone Sul do Estado.

Em Tacuru

Em Tacuru uma motocicleta Yamaha Factor, YBR 125cc, cor vermelha, placa NRO 5073 de Amambai-MS, foi levada da frente de uma residência.

O furto ocorreu no início da madrugada dessa quinta-feira, 28 de dezembro, quando a vítima, uma mulher de 22 anos, ouvia música na casa de amigos.

Amambai

Em Amambai uma mulher de 33 anos teve sua bicicleta, uma Mormai, modelo Fantasy Feminina, cor branca com detalhes em rosa furtada. O fato ocorreu na noite dessa quinta (28) para sexta-feira, dia 29 de dezembro.

Segundo relatou a vítima à polícia, a bicicleta foi levada do quintal da residência de sua mãe, situada na região da Vila Estrela.

Em Sete Quedas

Na cidade de Sete Quedas, ao chegar em sua residência, situada na Rua Tuiuiú, região central da cidade, na manhã dessa quinta-feira, dia 28 de dezembro, uma jovem de 22 anos, encontrou a casa toda revirada e notou a falta de vários objetos.

Segundo a vítima os ladrões levaram uma televisão, máquina de lavar roupa, liquidificador, rádio e uma sanduicheira.

Coronel Sapucaia

Em Coronel Sapucaia uma motocicleta foi furtada do pátio da Delegacia de Polícia Civil local, crime ocorrido na noite de quarta (27) para essa quinta-feira, dia 28 de dezembro.

A moto modelo importado, marca Taiga, cor preta, sem placa, havia sido apreendida horas antes de posse de dois indivíduos suspeitos de praticar assaltos na cidade (ver a reportagem na edição impressa do A Gazeta dessa sexta, 29), ambos autuados em flagrante por posse ilegal de arma de uso restrito.

Segundo relatou a Polícia Civil no boletim de ocorrência, após ser apreendida a motocicleta foi recolhida ao pátio da Delegacia de Polícia Civil local, cujo portão permanece regularmente trancado com cadeado.

Acontece, segundo a polícia, que uma empresa de guincho estava realizando a retirada de veículos apreendidos do pátio da delegacia para encaminhar para leilão e ao sair, o condutor do guincho teria esquecido de trancar o portão, fator que teria facilitado a ação dos larápios.

Furto em Paranhos

No município de Paranhos um sitiante de 65 anos, procurou a Delegacia de Polícia Civil local nessa sexta-feira, 29 de dezembro, para comunicar o furto de duas cabeças de gado de sua propriedade, situada no Assentamento São José do Jatobá, na divisa com a aldeia Pirajuí.

Segundo disse a vítima à polícia é comum relatos de furtos e abates de gado praticado por indígenas em propriedades rurais daquela região da fronteira, mas ele não pode afirmar que foram índios os autores do furto de seus animais.

Este caso de Paranhos, bem como os demais casos de furto registrados nas delegacias da região, estão sendo apurados por investigadores lotados nas respectivas delegacias.

Envie seu Comentário