Ponta Porã, Quarta-feira, 24 de janeiro de 2018
28/08/2017 15h40

Ponta Porã: Secretaria de Assistência Social realiza ações de combate ao trabalho infantil

A secretaria também destaca a importância da parceria do Ministério do Trabalho, através da Procuradoria do Trabalho em Ponta Porã

Divulgação
 
 

A Secretaria Municipal de Assistência Social tem realizado constantes ações educativas de combate ao trabalho infantil nas áreas rural e urbana de Ponta Porã. Na última quinta-feira, foi realizada uma Audiência Coletiva, em parceria com o Ministério Público do Trabalho – Procuradoria do Trabalho - com o objetivo de debater com empregadores, medidas que possam inserir de forma legal os jovens no mercado de trabalho e fortalecimento no combate ao trabalho infantil.

Segundo a secretária municipal de Assistência Social, Vera Lúcia de Oliveira, as ações são importantes para que empregadores e a população em geral tenham conhecimento de que o trabalho infantil não pode ser considerado uma prática normal.

"Temos que cuidar de nossas crianças e adolescentes. Colocar uma criança para trabalhar não é normal e é crime. Essa criança pode ter sérias conseqüências no futuro. Por isso trabalhamos com o objetivo de promover a informação para empresários e empregadores. Mostrar aos pais que seus filhos não tem o preparo adequado para o trabalho e que o trabalho infantil é crime. Temos que informar a comunidade para que a incidência dessa prática ilegal em Ponta Porã, seja diminuída e até mesmo zerada", explicou.

Segundo a líder da pasta, não é só o combate ao trabalho infantil que a secretaria de Assistência Social está visando, mas também, a qualificação de futuros profissionais para o mercado de trabalho. Para Vera Lúcia, os jovens oriundos de programas de benefícios sociais, precisam ser encaminhados para o mercado de trabalho com um bom nível de qualificação. Para isso, a secretaria municipal de Assistência Social, disponibiliza a cerca de 90 jovens, a oportunidade de realizarem cursos de qualificação profissional, de como se portar em um ambiente de trabalho.

"Nós como gestores temos que nos preocupar com a forma como esses jovens vão ser inseridos no mercado de trabalho. Para combatermos o trabalho infantil, temos também que encontrar formas de preparar os jovens para que eles estejam aptos ao trabalho. Para isso contamos com a parceria de empresários, dos empregadores, que sempre estão dando oportunidades aos jovens que são atendidos pela assistência social em Ponta Porã", afirmou.

A secretaria também destaca a importância da parceria do Ministério do Trabalho, através da Procuradoria do Trabalho em Ponta Porã. "É uma aliada super importante para a secretaria de Assistência Social. Sem o apoio da Procuradora do Trabalho, Cândice Gabriela Arosio, ficaria muito difícil esse trabalho que estamos realizando no município. É fundamental o trabalho do Ministério Público do Trabalho", finalizou Vera.

Envie seu Comentário