Ponta Porã, Terça-feira, 16 de janeiro de 2018
21/12/2017 07h20

VÍDEO: procuradora agride repórter ao defender aumento de salário de vereadores

Ao tentar continuar a entrevista, Alice pega o microfone e dá tapas nas mãos do repórter.

DiarioOnline
 
 

Um caso de agressão a um repórter da emissora Band Triângulo, afiliada da emissora na cidade de Uberlândia (MG), chocou os moradores do local: ao ser questionada sobre um aumento nos salários dos vereadores, decidido pelos próprios políticos, a procuradora jurídica da Câmara Municipal bate com o microfone do jornalista na mesa e começa a gritar.

O caso ocorreu com o repórter Ricardo Martins, quando ele entrevistava Alice Ribeiro. Ricardo perguntava sobre a situação a decisão da Justiça que suspendeu o aumento de salário dos vereadores e recebia respostas ríspidas de Alice.

Em determinando momento, ele questionou: "A senhora está com algum problema particular comigo?. "Nunca lhe vi", disse a procuradora. O repórter, então, pergunta: "Por que age dessa maneira?". Ela, então, diz: "Você é capcioso".

Ao tentar continuar a entrevista, Alice pega o microfone e dá tapas nas mãos do repórter. "Seu ordinário! Você não se atreva!", diz e se levanta. Sem entender o motivo, o repórter finaliza a matéria constrangido.

Em entrevista ao Portal Metrópoles, Kelson Venâncio, diretor de Jornalismo da afiliada, disse que a entrevista seria feita com o presidente da Câmara, Alexandre Nogueira, no entanto, ele não apareceu. "Quando o Ricardo [Martins] chegou lá, estava a procuradora jurídica. Nós vamos entrar com um processo contra ela", afirmou. A Câmara Municipal não se pronunciou sobre o caso.

Vídeo.

Envie seu Comentário