Ponta Porã, Domingo, 21 de janeiro de 2018
10/06/2017 05h40

Decálogos que influenciaram a humanidade por José Alberto Vasconcellos

Divulgação (TP)
 
 

ABRAHAM LINCOLN (1809-1865) – Presidente dos Estados Unidos da América, eleito em 1860 e reeleito em 1864. Foi assassinado por um fanático em 1865:

1 – Não criarás a prosperidade se desestimulares a poupança.

2 - Não fortalecerá os fracos se enfraqueceres os fortes.

3 – Não ajudarás o assalariado se arruinares aqueles que o pagam.

4 – Não estimularás a fraternidade humana se alimentares o ódio de classes.

5 – Não ajudarás os pobres se eliminares os ricos.

6 - Não poderás criar estabilidade permanente baseada no dinheiro emprestado.

7 – Não evitarás dificuldades se gastares mais do que ganhas.

8 – Não fortalecerás a dignidade e o ânimo se subtraíres ao homem a iniciativa e a liberdade.

9 – Não poderás ajudar os homens de maneira permanente se fizeres por eles aquilo que eles podem e devem fazer por si próprios.

Como faltou um "mandamento" no decálogo do Presidente Lincoln, completamos o decálogo com o que disse o Presidente John F. Kennedy, também assassinado por um fanático: "—Não pergunte o que os Estados Unidos pode fazer por você; mas pergunte-se o que você pode fazer pelos Estados Unidos."

VLADIMIR ILITCH ULIANOVEV (1870-1924) vulgo LÊNIN, comunista russo que fundou a facção Bolchevique. Em 1917, liderou a insurreição; criou o Exército Vermelho; e fundou a Internacional Comunista em 1919. Dedicou-se a fundação a U.R.S.S (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, em 1922. Eis seu decálogo, que orienta a ação do PT, sob a liderança da "alma mais pura" do Universo!

1 – Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual.

2 – Infiltre e depois controle todos os veículos de comunicação em massa.

3 – Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discussões sobre assuntos sociais.

4 – Destrua a confiança do povo em seus lideres.

5 – Fale sempre em Democracia e em Estado de Direito mas, tão logo haja oportunidade assuma o Poder , sem nenhum escrúpulo.

6 – Colabore para o esbanjamento do dinheiro público; coloque em descrédito imagem do País, especialmente no Exterior e provoque o pânico e o desassossego na população.

7 – Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais ao País.

8 – Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas na as coíbam.

9 – Contribua para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas governamentais, nossos parlamentares infiltrados nos partidos democráticos deve acusar os não-comonistas, obrigando-os, sem pena de expô-los ao ridículo, a votar somente no que for do interessa da causa.

10 – Procure catalogar todos aqueles que possuam armas de foto, para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa.

OBSERVE, que na leitura deste decálogo do comunista Lênin, você reconhece o "modus operandi" do PARTIDO DOS TRABALHADORES (PT), enquanto à frente do governo.

Padre CÍCERO ROMÃO BATISTA, (1844 – 1934). Ordenado Padre Católico Apostólico Romano em 1870, é venerado pelos nordestinos como Santo, que fazem repetidas peregrinações a Juazeiro do Norte, no Ceará, onde ele viveu. Proibido pela Igreja para ministrar os sacramentos aos fieis, seguramente por inveja dos seus superiores, continuou seu trabalho como padre até sua morte em 1934. O Vaticano já manifestou o desejo de beatificá-lo, à vista da veneração que o povo nordestino dedica-lhe. Lira Neto, jornalista e escritor, produziu uma minuciosa e completa biografia do Padre Cícero: Ed. Cia. das Letras, 2009. Eis seus dez mandamentos:

1 – Não derrube o mato. Nem mesmo um só pé de pau.

2 - Não toque fogo no roçado. Nem na caatinga.

3 - Não cace mais. Deixe os bichos viverem em paz.

4 - Não crie o boi nem o bode soltos. Faça cercados. Deixe o pasto descansar para se refazer.

  1. –Não plante na serra acima. Nem faça roçado em ladeira muito em pé. Deixe o mato protegendo a terra, para que a água não arraste sua riqueza.

6 – Faça uma cisterna no oitão da sua casa, para guardar a água da chuva.

7 – Represe os riachos, de 100 em 100 metros, ainda que seja com pedra solta.

8 – Plante cada dia pelo menos uma árvore. Um pé de caju, de sabia, ou qualquer outra. Até que o sertão seja uma mata só.

9 – Aprenda a tirar proveito das plantas da caatinga, tais como a maniçoba, a favela, a jurema e tantas outras. Elas podem ajudar você a conviver com a seca.

10 –Se obedecer esses preceitos, a seca vai acabando aos poucos. O gado vai melhorando e o povo terá sempre o que comer. Se não obedecer, dentro em pouco tempo o sertão todo vai virar um deserto só.

Esse diálogo está escrito ao pé de um monumento, no alto da Serra do Catulé, próximo a sua estátua. 04.06.2017 (4700) Membro da Academia Douradense de Letras.

(josealbertovasco@yahoo.com.br).

Envie seu Comentário