Ponta Porã, Quarta-feira, 22 de novembro de 2017
14/11/2017 15h30

Estado já tem R$ 37 milhões para concluir Aquário, afirma Azambuja.

Embroglio jurídico atrasa conclusão da obra.

Mídia Max
 
 

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) revelou, durante agenda pública na manhã desta terça-feira (14), que o Estado já tem, ‘praticamente resolvido’, o dinheiro para conclusão do Aquário do Pantanal.

"O Aquário do Pantanal faltam R$37 milhões. Já temos identificado o orçamento, já temos o financeiro praticamente resolvido para equação final", revelou o governador.

O tucano explicou que a Egelte Engenharia, que iniciou a obra, mas que acabou deixando o empreendimento e dando lugar à Proteco Engenharia, não deverá concluir os trabalhos. O Estado então deve convocar a segunda colocada na licitação.

"Se ela também não puder, nós teremos que fazer uma nova licitação para fazer a conclusão. Nós vamos aguardar. A Egelte por decisão judicial não vai continuar mais como a prestadora de serviço. A gente espera, resolvendo esse impasse, poder concluir essa obra e entregar", frisou.

A licitação, de 2011, teve como segunda colocada o consórcio Azevedo e Travassos/DM, que ainda não se posicionou sobre o assunto.

Azambuja voltou a dizer que não construiria o Aquário, mas investiria em outras obras, como hospitais e empreendimentos ‘mais prioritários’. Todavia, não há um prazo para que o Aquário seja entregue à população.

Envie seu Comentário