Ponta Porã, Domingo, 21 de janeiro de 2018
27/12/2017 07h40

Novela 'Tempo de Amar': Lucinda insinua que Emília é lésbica e é expulsa de casa

Irmã de Reinaldo (Cássio Gabus Mendes) vai enfrentar a sobrinha nos próximos capítulos da novela das seis.

Purepeople
 
 
Emília (Françoise Forton) vai enfrentar Lucinda (Andreia Horta) nos próximos capítulos da novela 'Tempo de Amar'
© Divulgação, Globo/Marília Cabral Emília (Françoise Forton) vai enfrentar Lucinda (Andreia Horta) nos próximos capítulos da novela 'Tempo de Amar'
© Divulgação, Globo/Marília Cabral

Emília (Françoise Forton) vai enfrentar Lucinda (Andreia Horta) em "Tempo de Amar". Nos próximos capítulos da novela das seis, a vilã vai passar dos limites após uma discussão com a tia e será colocada para fora de casa. É que a irmã de Reinaldo (Cássio Gabus Mendes) suspeitará que a mulher de Inácio (Bruno Cabrerizo) provocou um acidente só para abalar o marido e confrontará a sobrinha. Na tentativa de ofender, a megera insinuará que ela tem um caso com Carolina (Mayana Moura).

Revoltada após ter sido abandonada pelo marido, Lucinda vai provocar um atropelamento na frente de Inácio, mas ficará decepcionada ao perceber que o mocinho – vítima de um atentado depois de mentir para mulher sobre viagem – não cairá em seu jogo. "Como pode, Tia Emília? Depois de tudo que eu fiz por ele, Inácio simplesmente larga-me naquele quarto e esquece que tem esposa. Como ele pode abandonar-me após eu ter sido atropelada por culpa dele?", reclama a vilã. "Lucinda, Inácio é um homem correto. Ele não a abandonou. Se tivesse de abandoná-la, teria sido há muito mais tempo", defende Emília. "O que a senhora está dizendo? Que Inácio deveria ter deixado-me antes? Ou pior, que ele nunca deveria ter se casado comigo?", pergunta a megera.

"Não ponha palavras em minha boca", protesta a irmã de Reinaldo, demitido do hospital. "Era isso que a senhora queria, não era? A senhora nunca engoliu meu casamento. Por pura inveja! Porque a senhora nunca foi capaz de segurar homem nenhum ao seu lado. Sempre foi uma solteirona, mal-amada", esbraveja a filha do médico. "E agora deu para sair por aí com Carolina a tiracolo. Quer ficar falada? Quer que digam que a senhora e a filha do Barão de Sobral têm uma amizade particular?", provoca Lucinda. "E se tivesse mesmo, Lucinda? Você abriria a sua boca para acusar-me de amar errado?", reage a tia. "Sim, porque de amar certo você entende muito. Pessoas como você julgam-se acima do bem e do mal, mas são capazes das piores crueldades em nome do que chamam de amor. Você não sabe de nada! E eu não lhe dou o direito de meter-se na minha intimidade!", emenda Emília.

Reinaldo, então, chega no meio da discussão e tenta acalmar os ânimos, mas sua Emília já terá tomado a decisão de colocar Lucinda para fora. "Providencie uma ambulância, Reinaldo. Leve sua filha para a casa dela em São Vital. Eu não quero mais essa moça em minha casa!", ordena ela. "O que você fez, Lucinda?", questiona o médico. "Nada de mais. Tia Emília é que não suporta ouvir certas coisas", responde a megera. O capítulo está previsto para ir ao ar no dia 6 de janeiro.

Envie seu Comentário