Ponta Porã, Sexta-feira, 24 de novembro de 2017
17/08/2017 14h50

Orquestra Sinfônica Municipal faz apresentação no Movimento Concerto

A entrada é gratuita e a retirada dos ingressos deve ser feita em horário comercial

Divulgação: Dora Nunes
 

No próximo dia 22 de agosto será realizada no Teatro Glauce Rocha, às 19h30, a apresentação da Orquestra Sinfônica Municipal de Campo Grande, sob a regência do Maestro Eduardo Martinelli. O evento é o terceiro da temporada 2017 do Movimento Concerto e marca o retorno da Orquestra. A apresentação é uma realização conjunta da UFMS, por meio do Movimento Concerto, e da Prefeitura Municipal de Campo Grande, com a Orquestra Sinfônica de Campo Grande.

A entrada é gratuita e a retirada dos ingressos deve ser feita em horário comercial (8h às 11h/13h às 17h) na Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Esportes (Proece), ou uma hora antes da apresentação, no Teatro Glauce Rocha. Mais informações pelo telefone: 3345-7237.

Desde a sua instituição por Lei Municipal em 2006, a Orquestra Sinfônica Municipal de Campo Grande tem realizado intensa atividade em Mato Grosso do Sul, atuando na integração e valorização da música regional com concertos que utilizam a viola caipira ou viola brasileira, e a viola de cocho, assim como parcerias com importantes nomes da música popular do estado. A Orquestra mantém um permanente programa de incentivo e aperfeiçoamento técnico para jovens músicos, absorvendo promissores talentos da cidade, por entender que deve fomentar o cenário musical erudito de um estado jovem como Mato Grosso do Sul.

O Movimento Concerto é um projeto de extensão da UFMS que procura estimular o interesse da comunidade universitária por manifestações artísticas. Até dezembro, o Movimento Concerto realizará mais oito concertos gratuitos no Teatro Glauce Rocha.

Desde 2004 em Campo Grande, o Maestro Eduardo Martinelli vem realizando intensas atividades no meio artístico popular e erudito, apresentando-se nos principais eventos de música de Mato Grosso do Sul. Em 2007 assumiu como titular a regência da Orquestra Sinfônica Municipal de Campo Grande e desde lá tem se apresentado ao lado de grandes músicos brasileiros e de outros países.

Envie seu Comentário