09/03/2018 15h40

Artigo: Seguindo Jesus em suas privações

Por: Pr. Oziel Gustavo Marian

 
 

Você tem tudo o que deseja? Se for assim, você é uma das poucas pessoas privilegiadas do mundo, ou como alguns até dizem: você é uma pessoa abençoada por Deus! Mas será que ter coisas é sinal de bênção divina? É sinal de fé, é sinal que acompanha um seguidor de Jesus? Há pessoas e até igrejas que defendem que sim. Claro que a Bíblia ensina sobre prosperidade, mas não é algo garantido para esta vida.

Chega a ser ridículo o que alguns pregadores ensinam e a coisa está tão séria, que já tem pregador da prosperidade reconhecendo que foram longe demais. Benny Himm, um famoso pregador da prosperidade disse recentemente "Somos atacados por pregar a prosperidade, embora ela esteja na Bíblia, mas acho que alguns de nós a levamos a um extremo, e não é o que a Palavra de Deus ensina"

Qualquer pessoa com um mínimo de conhecimento da Bíblia, sabe que Jesus não prometeu riquezas e nem ausência de problemas para seus seguidores. Jesus deixou bem claro, que seus seguidores teriam tentações, privações e provações. Haverá sim recompensas de acordo com o que cada um tem feito, mas isto é herança futura e não necessariamente para aqui e agora. Em Apocalipse 22.12 está escrito: "Escutem! Diz Jesus. Eu venho logo! Vou trazer comigo as minhas recompensas, para dá-las a cada um de acordo com o que tem feito." Ou seja, as recompensas virão junto com Jesus, em sua volta.

O chamado de Jesus é para agora repartir o que temos, deixar tudo e segui-lo, ter experiências parecidas com as que ele teve; e ele teve privações, "as raposas têm as suas covas, e os pássaros, os seus ninhos. Mas o Filho do Homem não tem onde descansar" (Mt 8.20).

É importante saber disso, por vários motivos: primeiro - para que aqueles que passam por dificuldades nesta vida não caiam na armadilha de achar que não são abençoados por Deus; Segundo - para não confundirmos ambição com fé – esperar que Deus resolva todos os problemas e dê prosperidade financeira não é fé, é ambição; terceiro - desafiar aqueles que possuem condições, para que voluntariamente abram mão de algumas coisas, ajudando aqueles que precisam.

Além do mais, ter privações faz bem para nós. Nos torna mais fortes, humanos, sensíveis e humildes. Muitos casais que sempre deram tudo o que seus filhos quiseram, estão hoje se perguntando: onde foi que erramos? Pessoas que recebem tudo o que querem, se tornam egoístas, arrogantes, insensíveis, mimadas e não sabem lidar com as frustrações da vida. Pois a vida não dá tudo o que desejamos.

Pr. Oziel Gustavo Marian

Igreja Evangélica Luterana

Rua Clodomiro Novaes, 182, Ponta Porã-MS.

Telefone 67-3431-0311 – Whatsapp 67-99811-1515

Envie seu Comentário