21/11/2017 18h30

Informe JN por João Natalício de Oliveira

João Natalicio de Oliveira é diretor do Jornal de noiticias de Ponta Porã.

Divulgação (TP)
 
 

BICADA DE TUCANOS

  • Não é de hoje que os tucanos estão se bicando entre si, mas quem acaba sofrendo o desgaste é o Governo do Presidente Michel Temer. Por isso que muita gente acha que o deputado federal peemedebista Carlos Marun está com a razão quando defende o afastamento do PMDB do PSDB e lance candidato próprio para Presidente da República.

  • Na verdade os tucanos de bico colorido querem se projetar como oposição ao Governo Temer, mesmo tendo quatro ministérios sob o seu comando. Eles falam em desembarcar do Governo, mas é tudo blefe. O que eles querem é roer o osso até o final, fato que vem descontentando os "aliados" do chamado centrão que em tese somariam muito mais votos para o Palácio do Planalto na votação das Reformas, principalmente da Previdência e Tributária.

ATÉ QUANDO

  • Ninguém consegue prever até quando vai essa enrolação. De uma maneira geral, os políticos são assim mesmo: fingem que estão de um lado, mas na verdade estão do outro. É justamente nesse barco que o deputado Marun não quer entrar. Ele conhece como poucos quem está a favor e quem está contra.

LIVRE COMÉRCIO

  • Engraçado! O senador Pedro Chaves (PSC) está querendo dar uma de muito esperto já pensando no ano eleitoral de 2018. "Área de Livre Comércio" sempre foi o sonho dos municípios de Ponta Porã, fronteira com o Paraguai, e Corumbá, fronteira com a Bolívia. Nunca deu certo porque as autoridades de Brasília não levaram nada a sério.

Muitas tentativas foram feitas, mas só para inglês ver.

  • Agora o esforçado senador enviou para a aprovação no Senado da República um pacote só, incluindo praticamente todos os municípios da fronteira – 13 no total – desde Ladário até Bela Vista, passando por Coronel Sapucaia, Aral Moreira e Antônio João. Ora senador, menos senador, menos...

  • Caso o projeto do senador do PSC constasse somente os municípios de Corumbá e Ponta Porã – e talvez Porto Murtinho – a intensão do autor teria sentido e seria mais uma tentativa, entre muitas sem sucesso, para desenvolver a economia da região, mas um pacote com 13 municípios, com a maioria deles sem as mínimas condições de implantar uma área de livre comércio, isso está me cheirando a politicagem em véspera de ano eleitoral.

  • Falar nisso, que fim levou aquele badalado programa da implantação das Lojas Francas de Ponta Porã? Então não seria mais oportuno que o senador Pedro Chaves se emprenhasse na verificação desse projeto que já foi aprovado e com meio caminho andado? Depois de tantas audiências públicas, discussões acaloradas na Câmara de Vereadores com personalidades de Brasília e de Mato Grosso do Sul, a implantação das Lojas Francas virou fumaça e o dito virou pelo não dito.

  • Detalhe: muita gente do setor de economia, de fato, vê mais lógica na implantação em Ponta Porã de uma Área de Livre Comércio do que nessas tais Lojas Francas. Vamos nessa senador Pedro Chaves!

SÓ POLÍTICA

  • Ponta Porã deverá discutir política dia e noite daqui para frente. Não estou me referindo no dito-cujo que deverá substituir o deputado Flávio Kayatt na liderança política do município, pois isso só o tempo dirá. Poderá nascer um novo líder ou vários líderes. No momento a grande discussão são as pré-candidaturas para a Assembleia Legislativa e Câmara dos Deputados.

  • Pelo andar da carruagem, Ponta Porã poderá ter de seis a oito candidatos a deputado estadual. Alguns já estão com os pés no estribo preparando a montaria para a campanha eleitoral. Ainda muito timidamente, alguns já estão na boca do povo como prováveis concorrentes. Podemos citar Chico Gimenes, Daniel Marques ou Farid Afif, um deles será o candidato do PMDB; Agnaldo Miudinho (PTB), Álvaro Soares (Partido?), Marcelino Nunes (PROS), ex-prefeito Ludimar Novais (PDT) e o vice-prefeito Caio Augusto (PSD) entre outros.

PCC

  • Torcedores do Palmeiras, São Paulo, Santos, Flamengo e Grêmio que estariam identificando a torcida numerosa da Gaviões da Fiel como integrantes do PCC caíram o cavalo esta semana. Os criativos corintianos deram o troco: "A sigla PCC significa Parabéns Corinthians Campeão! Gratos pela homenagem."

J. N. Oliveira

jndeoliveira@jnnoticiaspp.com.br

Envie seu Comentário