Bola na Rede

Artigo: Criançada com bola na rede

Funcespp – Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã desafiou a comunidade escolar a jogar a "Copinha do Mundo",

01/11/2018 16h40 - DN

 

Além de ser o Dia de Nossa Senhora Aparecida e feriado nacional, o dia 12 de outubro todos os anos se celebra o Dia das Crianças no Brasil. Oportunidade para lembrar quão importamte é a prática desportiva e como o futebol pode ser factor crescimento, aprendizagem e mudança na sociedade. Adultos e crianças, com futebol todos ganham como betfair código promocional.

Os festejos multiplicaram-se por todo o país, por exemplo, em Matogrosso do Sul, a SEME – Secretária Municipal de Educação – e Funcespp – Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã desafiaram a comunidade escolar a jogar a "Copinha do Mundo", no campo sintético do Parque dos Ervais. A brincar também se aprende e contrõem novos habitos.

A Copinha do Mundo é uma competição cultural que à boleia do futebol traz mais saber e abertura para outros povos e culturas derrubando fronteiras, e marcando golos na baliza dos preconceitos.

As escolas estão divididas em cinco grupos e cada uma delas representam um país. No grupo A estão "Manoel Martins" (Costa Rica), "Jardim Ivone" (Alemanha) e "Orlando Mendes" (Egito); no grupo B estão "Ignês Andreazza" (Croácia), "Maria Ligia (Arábia Saudita) e a "João Carlos Pinheiro Marques (Polônia); no grupo C estão a "Marcondes Pereira" (Portugal), "Professora Conceição Saldanha" (Brasil) e "Ramiro Noronha" (Nigéria).

Integram o Grupo D as escolas "Dora Landolfi" (Peru), "Isaac Borges Capilé" (França) e "Juvenal Fróes" (Tunísia). Já no grupo E estão as escolas "Lydio Lima" (Rússia), "Adê Marques" (Uruguai) e "Cooporã" (Coreia do Sul).

Clínicas do Real de Madrid e a Barbie do futebol

Em São Paulo, também o futebol foi motivo de festa infantil, a Fundação Real Madrid realizou clínicas de futebol para meninos e meninas de 8 a 13 anos.

Os treinos preparados com a arte do clube espanhol foram acompanhados por três técnicos da base do Real Madrid, que seleccionaram jogadores para a formação de equipas para os torneios. A presença dos ex-jogadores do Real Madrid, Cicinho, César Prates e Sávio Bortolini, diretor técnico do projeto foram também importantes para os pequenos jogadores que viveram dias de sonho.

As crianças são o melhor do mundo e transportam consigo o futuro, para um mundo cada vez mais equalitário onde meninas e meninos podem ser o quiserem numa soma de golos ganhadores de paridade entre homens e mulheres. A Barbie que nos ultimos anos tem vindo a transmitir a mensagem "Tu podes ser o que quiseres" lançou a 11 de Outubro, outro projeto "The Dream Gap" (A Brecha do Sonho), onde ser jogadora de futebol é também uma boa opção,

E se dúvidas havia já não há, bem o demonstrou Marta Vieira da Silva Veiga, que venceu no passado dia 24 de Setembro mais uma bola de ouro, totalizando seis (6) no palco dos melhores da FIFA, eleita pela ONU embaixadora da Boa Vontade para mulheres e meninas no desporto.

A ideia da boneca mais famosa do mundo é conscientizar para o preconceito de gênero que impede as meninas/mulheres ao redor do mundo de atingirem a sua potencialidade máxima. Criando pontes e derrubando muros de preconceito e estereótipos culturais na semana dedicada às crianças tempo certo para recordar que "O esporte é saúde, é educação, é cultura, é igualdade de gênero", tal como defende a jogadora brasileira Marta Vieira da Silva Veiga."

Envie seu Comentário