02/10/2017 12h

Las Vegas: não há brasileiros entre as vítimas, diz Itamaraty

As autoridades americanas acreditam que o atirador, Stephen Paddock, de 64 anos, não esteja conectado a nenhum grupo militante.

MSN
 
 
© Getty Images Ambulância sai do cruzamento da Las Vegas Boulevard e Tropicana Avenue após um atirador abrir fogo contra o público que assistia um festival de música country em Las Vegas – 02/10/2017© Getty Images Ambulância sai do cruzamento da Las Vegas Boulevard e Tropicana Avenue após um atirador abrir fogo contra o público que assistia um festival de música country em Las Vegas – 02/10/2017

Não há registros de brasileiros entre as vítimas de um ataque que ocorreu na noite deste domingo em um show ao ar livre, em Las Vegas, nos Estados Unidos, informou o Itamaraty. De acordo com o ministério, o Consulado-Geral do Brasil em Los Angeles está monitorando a situação. A tragédia já soma 50 mortos e mais de 400 feridos, sendo considerada o maior ataque a tiros da história do país. As autoridades americanas acreditam que o atirador, Stephen Paddock, de 64 anos, não esteja conectado a nenhum grupo militante.

"Até o presente momento, não há registro de brasileiros entre as vítimas", afirmou em nota o Itamaraty. "O Brasil condena esse ato de violência e expressa, consternado, seu sentimento de pesar às famílias das vítimas e estende votos de plena e rápida recuperação aos feridos."

Segundo a polícia, o atirador fez os disparos da janela do 32º andar do hotel Mandalay Bay, em frente ao espaço onde ocorria o show do festival de música country "Route 91 Harvest". Uma companheira de quarto de Paddock, identificada como Marilou Danley, é procurada pela polícia e é considerada uma "pessoa de interesse" para as investigações.

Envie seu Comentário