16/08/2017 07h20

Petrobras aumenta em 7,2% preço do gás para comércio e indústria

O reajuste anunciado nesta terça começou a vigorar à 0h desta quarta-feira(16).

Folhapress
 
 
Petrobras anunciou aumento de 7,2% no preço do gás liquefeito - Foto: DivulgaçãoPetrobras anunciou aumento de 7,2% no preço do gás liquefeito - Foto: Divulgação

A Petrobras anunciou nesta terça-feira (15) aumento de 7,2% no preço do gás liquefeito de petróleo (GLP, o gás de cozinha) vendido em grandes vasilhames ou a granel.

A alta não vale para o produto vendido em botijões de 13 quilos, que já foi reajustado em 6,9% no início do mês.

O reajuste anunciado nesta terça começou a vigorar à 0h desta quarta-feira(16). Vale para o produto envasado em botijões acima de 13 quilos e a granel, mais consumido por comércio e indústrias.

Desde 2005, por determinação do CNPE (Conselho Nacional de Política Energética), a Petrobras pratica preços diferentes para os dois tipos de consumo. Na época, a decisão foi tomada com o objetivo de combater a inflação.

O Sindigás (Sindicato das Empresas Distribuidoras de GLP) diz que o aumento desta terça é "preocupante, pois afasta ainda mais o preço interno dos valores praticados no mercado internacional, impactando justamente setores que precisam reduzir custos".

Com o novo aumento, a entidade calcula que o preço do gás vendido para comércio e indústria ficará 39,2% acima da paridade de importação (conceito que calcula o preço para trazer produtos importados até o mercado brasileiro).

Envie seu Comentário