23/01/2018 07h50

Clubes da Capital aceitam jogar no Morenão com portões fechados

Após duas rodadas sem conseguirem a liberação para uso do estádio junto ao Ministério Público, FFMS e times da Capital fecham acordo para irem a campo sem a torcida.

Campograndenews
 
 
Arquibancadas do Morenão vão permanecer vazias durante jogos do Estadual. (Foto: Alcides Neto/Arquivo)Arquibancadas do Morenão vão permanecer vazias durante jogos do Estadual. (Foto: Alcides Neto/Arquivo)

Os clubes de Campo Grande estão autorizados a utilizar o Morenão para jogos do Campeonato Sul-Mato-Grossense de Futebol. Porém, com portões fechados para a torcida. Esta foi a solução encontrada pelas direções de Comercial, Novo, Operário e União/ABC e a FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul), depois de os clubes não conseguirem estrear na competição diante da falta de um campo liberado pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) na Capital.

A decisão de jogar do estádio sem torcedores foi tomada na tarde desta segunda-feira (22), depois de já ter sido discutida na sexta. O MPMS cobra a apresentação de laudos de segurança e, principalmente, de engenharia, apontando que o Morenão tem condições de receber público. Para o MPMS, a documentação encaminhada não apontou condições estruturais e de segurança que enquadrem o estádio nas exigências do Estatuto do Torcedor. Assim, a presença de público, neste momento, segue vetada.

Já o Jacques da Luz, nas Moreninhas, passou recentemente por obras nas arquibancadas e no gramado, também estando sem os laudos de vistoria em dia para sediar jogos. Sem os dois estádios oficiais, restaria aos clubes transferirem as partidas para o interior, continuarem adiando suas estreias no torneio até a liberação de algum campo ou aceitarem jogar no Morenão com portões fechado.

Sem esperar uma decisão final, o Operário anunciou ainda durante o fim de semana que jogaria na quarta-feira (24) em Rio Brilhante –a 163 km de Campo Grande– contra o União/ABC. A partida seria a abertura do Campeonato Estadual, mas sem o Morenão, acabou adiada.

Apesar do comunicado, a chancela para a realização da partida, cujo mando de campo é do União/ABC, só foi dada nesta segunda-feira. A partida foi remarcada para as 20h45, e terá transmissão pela TV Morena.

Médio prazo – A FFMS divulgou nesta segunda a tabela atualizada do Estadual, na qual confirma que os jogos dos clubes de Campo Grande em casa serão no Morenão, com portões fechados, pelo menos até 10 de fevereiro –quando acaba o primeiro turno da competição.

Na quarta-feira, às 16h, Novo e Comercial serão os primeiros times campo-grandenses a se enfrentarem no estádio em 2018 sem a companhia dos torcedores.

Sábado (27), União e Costa Rica jogam no estádio às 16h. Domingo (28), o Operário enfrenta o Novo no estádio, sendo a partida com previsão de transmissão pela TV aberta.

Dentre os jogos adiados que aconteceriam no estádio, o confronto entre Comercial e Costa Rica, pela primeira rodada, foi marcado para 30 de janeiro (uma terça-feira), às 16h. No mesmo horário, no dia 4 de fevereiro (domingo), acontece o clássico Comerário, inicialmente previsto para o último domingo (21), sem as torcidas.

Envie seu Comentário