10/01/2018 08h30

Superliga B: Estreante, Vôlei Ribeirão Preto tem técnico campeão e elenco experiente como trunf

Com Marcos Pacheco no comando, time paulista chega à disputa com o título da Taça Prata na bagagem

Por: Tião Prado
 
 

A disputa da sétima edição da Superliga B masculina começa em pouco menos de duas semanas. Pela primeira vez na competição o Vôlei Ribeirão Preto (SP) chega entre os oito participantes com um elenco experiente, um técnico campeão e a força de uma torcida apaixonada. O time paulista, que é apadrinhado pelo campeão olímpico Lipe Fonteles, estreou em competições nacionais no ano passado, com o título da Taça Prata.

No comando da equipe o técnico Marcos Pacheco, três vezes campeão da Superliga como treinador e quatro como auxiliar, é um dos trunfos do Vôlei Ribeirão Preto para a busca de uma vaga na elite do voleibol brasileiro. O treinador participou de todo o processo de amadurecimento do time e está satisfeito com a evolução.

"É uma situação diferente do início, quando o grupo estava sendo formado e praticamente não se conhecia. Hoje, depois do Campeonato Paulista e da Taça Prata, o elenco se conhece e sabemos onde cada um pode render o necessário. A Superliga B é o nosso projeto principal. Primeiro formamos a equipe e entramos no Paulista, depois conquistamos o grande objetivo do ano passado, que era a vaga para a Superliga B. Agora nossa meta é uma vaga na Superliga", contou o técnico.

Sob o comando de Pacheco estão atletas com muita rodagem em competições de alto nível, entre os destaques do plantel estão o levantador Jotinha, o central Giovanni e o ponteiro João Paulo Tavares, campeão mundial com a seleção brasileira em 2010.

O projeto esportivo do time do interior paulista também tem cunho social e usa as partidas no ginásio Gavino Virdes, na Cava do Bosque, para levantar mantimentos com a troca de ingressos para o Fundo Social de Solidariedade.

Na fase de classificação da Superliga B 2018 o Vôlei Ribeirão Preto fará sete jogos, três em casa. A estreia no campeonato será no sábado dia 20 de janeiro contra a UPIS (DF), na AABB de Brasília (DF), às 17h. Já o primeiro jogo diante da torcida será no dia 27 contra o Montecristo/Artesanal (GO).

No torneio masculino os times jogam entre si e os oito avançam para as quartas de final, que será disputada em melhor de três jogos, bem como as semifinais. A grande decisão está prevista para o dia 14 de abril.

Envie seu Comentário