27/02/2018 13h10

Fronteira: Adolescente assassinada estava grávida e teve feto arrancado de seu ventre

Silveria Beatriz Cabanas Pereira, de 17 anos, desaparecida desde o dia 10, foi encontrada morta e já em avançado estado de decomposição

Por: Dora Nunes
 
 
Rafael Florentín é considerado suposto autor do homicídioRafael Florentín é considerado suposto autor do homicídio

Um homem de 34 anos é considerado o autor do homicidio contra a adolescente Silveria Beatriz Cabanas Pereira, de 17 anos, que estava desaparecida desde o dia 10 de fevereido, sendo seu corpo encontrado, no sábado, dia 24, já em avançado estado de putrefação jogado em uma vala em uma estrada vicinal na região de Companhia curralito San Ramon, distrito de Moisés Bertoni, situado a 110 km da cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero.

A Comissão de Feminicídio do Paraguai informou que Rafal Florentin, de 34 anos foi acusado pela fiscal Laury Rosana Vazquez pelo crime de feminicídio pela suspeita que recai sobre si em relação a morte da adolescente, que estava grávida de 5 meses.

Após intensa investigação, Florentin foi detido no domingo, dia 25 por agentes do distrito Moises Bertoni. O co-autor do assassinato, Arnaldo Sanchez, de 18 anos, sobrinho de Florentin, está foragido.

A vítima morava com seus irmãos, que pensaram que a jovem havia saído de casa por conta própria, já que levou sua bolsa. Existe a suspeita de que a adolescente foi retirada de sua casa pelo próprio Florentin, que seria o pai do bebê, já que entre as mochilas onde estava o corpo de Silveria, foi encontrado cartas que relatavam que Florentin era o pai da criança.

A perícia constatou que Silveria foi assassinada na noite em que saiu de sua casa. A monstruosidade é que alem de receber um golpe fatal na nuca, o útero e os ovários de Silvéria foram arrancados de seu ventre, sendo que ela estava grávida de 5 meses.

O médico forense Carlos Alvarez constatou que os órgaos foram retirados.

 

Envie seu Comentário