Crimes

Investigando triplo homicídio na fronteira, polícia prende dois homens com farta munição

Os policiais não descartam que os presos fizeram parte do triplo assassinato

10/02/2019 16h30 - Por: Dora Nunes

 

Durante investigação do triplo homicídio que aconteceu na noite de sábado, dia 09, na cidade paraguaia de Sanja Pytã, fronteira com o distrito de Sanga Puitã, em Ponta Porã-MS, a polícia Nacional do Paraguai prenderam dois homens em uma casa na na colônia Potreroi.

De acordo com informações, os homens estavam em uma caminhoneta, branca, tipo Hilux, onde após verificação, foi constatado um fuzil 7.62, uma escopeta, munições, roupas camufladas e coletes a prova de balas.

Os presos foram identificados como os paraguaios Nelson Mussi Espinola e Ismael Enciso Jara e a polícia não descarta a possibilidade de que os detidos tenham participação na morte de César Ortiz Zorrilla, Alesandro Nunes de Moura e Gabriel Zaracho Moura.

Envie seu Comentário