Violência contra a mulher

Em Ponta Porã, homem chega bêbado em casa, põe fogo em colchão e ameaça matar esposa

Mulher é casada há 03 anos com o agressor

15/04/2019 13h30 - DN

 

No domingo, dia 14, homens da Guarda Municipal de Ponta Porã foram acionados via telefone de emergência 153 para comparecer na rua Tamboril nº 343, bairro Residencial Ponta Porã I, onde uma mulher foi vítima de violência.

Chegando ao local, os guardas ouviram o relato da vítima A.E.C, de 21 anos, que contou que seu marido V.A.C, chegou em casa aparentemente embriagado, ateou fogo em um colchão e ameaçou atear fogo também na residência. Não satisfeito, o machão ainda se apossou de uma faca e ameaçou a mulher dizendo que se ela acionasse a polícia, ele a mataria assim que fosse posto em liberdade.

Após a agressão e ameaça, o homem fugiu, mas em rondas, os guardas municipais conseguiram encontrar o valentão que foi levado para a Delegacia de Polícia e enquadrado pelo crime de Ameaça (Violência Doméstica) (Artigo 147 do Código Penal).

Envie seu Comentário