06/10/2017 13h10

Em tentativa de roubo, homem atira em policiais que revidam, ferindo o bandido

O autor foi preso e encaminhado ao Hospital Regional de Ponta Porã-MS

 
 

O fato ocorreu por volta das 08h00min de quarta-feira (04/10/2017), quando a Guarnição Policial Militar do Pelotão de Aral Moreira/MS, recebeu um telefonema de um investigador da Polícia Civil, informando que o indivíduo identificado como sendo D. R. C. de 20 anos, conhecido pela pratica de diversos furtos e roubos praticados no município, estaria mantendo duas mulheres reféns dentro de uma residência, tentando realizar um roubo, e que o endereço da residência era na Rua Bento Marques, Aral Moreira-MS.

Diante do que, em resposta a solicitação, de imediato a Guarnição Policial deslocou até o local a fim de averiguar a denúncia recebida, fazendo-se acompanhar do investigador da Polícia Civil. Ao chegarem no local os Policiais constataram que haviam duas mulheres no interior do imóvel identificadas como R.M.M de 45 anos e R.B.G de 79 anos, e a porta de acesso estava trancada, as vítimas abriram um vão na porta possibilitando contato com os policiais, o que contribuiu para a saída das mesmas, vez que no momento em que os policiais mantinham contato visual e verbal com as vítimas, o meliante empreendeu fuga, saindo correndo do interior da residência e pulando o muro lateral, adentrando em outra residência.

Daí então a Guarnição Policial iniciou a perseguição do indivíduo, o que momentos após, os Policiais o avistaram em cima do telhado de um imóvel, empunhando uma arma de fogo e apontando para a direção da Guarnição, incontinenti, a isso, foi determinado a largar a arma de fogo, o que não foi acatado, e que no momento efetuou disparos em direção aos Policiais, que de imediato revidaram a agressão, vindo com isso, a alveja-lo, que despencou de cima do telhado, vindo a cair no terreno do imóvel ao lado.

Ao ser abordado já ao solo e devidamente assistido, foi identificado como sendo D.R.C, de 20 anos, e que enquanto era socorrido, reclamava de fortes dores abdominais, e ao seu lado foi encontrado o revólver de marca CUSTER, numeração 10469/1, calibre.22, com 02 (duas) munições deflagradas, arma essa, que empunhava no momento em que ofereceu resistência à prisão. Sendo socorrido pela Guarnição, foi encaminhado ao Hospital Municipal para atendimento de emergência.

As vítimas ao serem questionadas a respeito das agressões sofridas, informaram que não foram agredidas pelo autor, e relataram que estavam bastante assustadas. A vítima R.G.B. relatou que estava dentro da residência fazendo seus afazeres domésticos quando percebeu a presença do autor dentro da casa, ficou assustada e correu para junto da sra. R.M.M. que também estava na residência. O acusado teria permanecido mantendo-as como reféns, até a chegada da Polícia Militar, vez que, com a chegada dos policiais, o autor empreendeu fuga, vindo com isso proporcionar a saída das vítimas do imóvel.

O autor foi preso e encaminhado ao Hospital Regional do município de Ponta Porã-MS, para atendimento médico hospitalar, onde permaneceu sob escolta policial, a fim de que a autoridade policial competente adote as demais providências, tão logo, receba alta.

No tocante a arma de fogo, foi apreendida e encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil do município de Aral Moreira/MS.

Envie seu Comentário