22/02/2018 09h55

Mulher é presa pela PRF na BR-262 com cocaína avaliada em R$ 1,8 milhão

Autora estava de carro e foi fechada por caminhão, saindo da pista

Correio do Estado
 
 
Droga apreendida pela PRF. - Foto: DivulgaçãoDroga apreendida pela PRF. - Foto: Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu ontem, em Água Clara, uma mulher de 30 anos que transportava 61 quilos de cocaína avaliados em aproximadamente R$ 1,8 milhão. Ela viajava para Três Lagoas em um carro que, supostamente, foi fechado por caminhão na BR-262 e acabou saindo da pista.

Conforme relatado, a PRF foi acionada para atender a ocorrência do acidente e, chegando ao local, ouviu da suposta vítima que, depois de ser fechada, freou bruscamente seu veículo Kia Soul, com placas de Campo Grande, perdendo o controle da direção.

Durante atendimento, ela se mostrou bastante nervosa, levantando suspeita dos policiais. O veículo foi apreendido e encaminhado para a unidade operacional. Lá, em meio aos pertences dela, a PRF flagrou duas malas com 14 tabletes de cocaína. Ela disse então que havia mais 45 tabletes em compartimento oculto ao lado do tanque de combustíveis.

Ao todo, a droga pesou 61 quilos. A autora informou que parte da droga estava oculta no para-choque do veículo, que ficou exposto no acidente. Por este motivo, guardou o material nas malas. A mulher relatou ter sido contratada par levar o material de Dourados a Três Lagoas. Em grandes centros, o quilo da cocaína é avaliado em aproximadamente R$ 30 mil.

Envie seu Comentário