26/02/2018 13h40

Polícia Militar encaminha 17 pessoas para delegacia no final de semana em Dourados

O serviço emergencial 190 funcionou normalmente com cerca de 250 ligações dia durante o final de semana, somando aproximadamente 800 atendimentos nesse período.

 
 

O comando do 3º Batalhão de Policia Militar de Dourados divulgou no início da manhã dessa segunda-feira(26) as ações preventivas e repressivas adotadas pela unidade neste final de semana em Dourados.

Foram registrados 62 atendimentos, sendo em sua maioria (36) exclusivamente de cunho preventivo e comunitário. Além desses foram ainda realizadas 210 abordagens, 5 escoltas e o atendimento de ocorrência de vias de fato, violência doméstica, 2 acidentes de transito com vítimas fatais, perturbação do sossego, porte ilegal de arma de fogo e lesão corporal.

O comando da instituição informou ainda que 3 mandados de prisão, duas armas de fogo foram apreendidas e que 17 pessoas foram encaminhadas para as delegacias de Dourados.

O serviço emergencial 190 funcionou normalmente com cerca de 250 ligações dia durante o final de semana, somando aproximadamente 800 atendimentos nesse período.

O fato de maior destaque foi uma ação que envolveu policiais do GETAM, Força Tática e da ALI (Agência Local de Inteligência) que culminou prisão de William da Silva Ortiz(22), conhecido também como "dente podre", na noite de sexta-feira (23/2) em Dourados após entrar em confronto e atirar contra policiais militares que cumpriam mandado de prisão contra ele.

De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais chegaram na quitinete onde o suspeito estava, na rua Antônio José Magalhães, Jardim Novo Horizonte, e ao tentar a abordagem, o acusado acabou fugindo.

Os policiais fizeram o acompanhamento e o acusado efetuou vários disparos de arma de fogo contra as equipes, agressão que foi rechaçada e culminou com o acusado alvejado na região do abdômen, que foi encaminhado imediatamente ao HV para cuidados médicos.

William encontra-se evadido do sistema prisional semiaberto de Dourados e possui uma vasta ficha criminal e autor de crimes como tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e homicídio.

O acusado foi internado no Hospital da Vida sob custódia policial, vindo a óbito na tarde desse sábado(24).

O comando do 3º BPM prevê a realização de operações em locais de maior incidência de crime durante os finais de semana em Dourados.

Envie seu Comentário