07/03/2018 20h50

Candinho Gabínio pede posto do Detran na região central de Ponta Porã

Candinho explicou que atualmente existe apenas uma sede do Detran em Ponta Porã

Divulgação
 
 

Na sessão ordinária desta terça-feira, 06 de março, o presidente da Câmara Municipal de Ponta Porã, Candinho Gabínio encaminhou uma indicação ao governador, Reinaldo Azambuja, com cópias ao deputado federal, Beto Pereira, ao diretor presidente estadual do Detran, Roberto Hashioka e ao diretor do Detran de Ponta Porã, Renato Saad, solicitando a construção de um posto avançado do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) na área central de Ponta Porã.

Candinho explicou que atualmente existe apenas uma sede do Detran em Ponta Porã, localizada no bairro Jardim Marambaia, o que acaba dificultando o acesso para alguns munícipes, que moram em bairros distantes. "A construção de posto avançado deste órgão público na área central agilizará o atendimento aos cidadãos que desejarem pagar guias, solicitar renovação de CNH e emissão de documentos em geral", disse o vereador.

Bairro Jardim Nova Ponta Porã e Jardim Jamaica

Durante a sessão ordinária, o presidente da Casa de Leis, Candinho Gabínio solicitou outras duas indicações. Os pedidos foram encaminhados ao prefeito, Hélio Peluffo, com cópias ao secretário municipal de Obras e Urbanismo, André Manosso.

Candinho solicitou os serviços de patrolamento e cascalhamento com urgência na Rua Napoleão Alves de Oliveira, no Bairro Jardim Nova Ponta Porã. "Essa é uma solicitação dos moradores daquela região, pois devido às constantes chuvas, a rua citada está praticamente intransitável", constatou.

A outra indicação realizada por Candinho Gabínio indica que seja feita uma abertura de via na Rua Planaltina, no Bairro Jardim Jamaica. Esse pedido é uma reiteração da indicação nº 1253/2017 lida em Plenário no dia 12 de dezembro de 2017.

O presidente explicou que existem vários proprietários de terrenos na referida rua, mas os mesmos não podem realizar qualquer tipo de serviço, pois não há acesso para a via. "Diante desse problema, os proprietários não conseguem construir ou dar andamento em outros serviços. Desta maneira, aguardamos o atendimento desta indicação o mais breve possível", finalizou.

Envie seu Comentário