01/03/2018 06h40

Com 65 mil afetados pelas chuvas em MS, Defesa Civil presta apoio às famílias

Em caso de desastre natural é feito pelo município, mas o Governo do Estado também tem dado uma ajuda humanitária às famílias.

Portal do MS
 
 
Fotos: Chico RibeiroFotos: Chico Ribeiro

Por determinação do governador Reinaldo Azambuja, a Defesa Civil Estadual está dando apoio às famílias prejudicadas pelas chuvas. O Governo de Mato Grosso do Sul também pediu reconhecimento federal da situação de emergência em diversos municípios e tem trabalhado na recuperação dos locais danificados.

No Estado, 65.957 pessoas foram afetadas pelos desastres naturais, incluindo 240 desabrigados e 1.027 desalojados, de acordo com a Defesa Civil. Os desabrigados são aqueles que precisaram ir para um local público, enquanto os desalojados foram para as casas de parentes ou amigos.

Segundo o coordenador-adjunto da Defesa Civil Estadual, tenente-coronel Fábio Catarinelli, o primeiro atendimento em caso de desastre natural é feito pelo município, mas o Governo do Estado também tem dado uma ajuda humanitária às famílias. Em Aquidauana e Anastácio, foram entregues 70 cestas básicas e 200 mantas pela Defesa Civil Estadual.

 
Fotos: Chico RibeiroFotos: Chico Ribeiro

Vinte e três municípios tiveram situação de emergência reconhecida pelo Estado. São eles: Aquidauana, Anastácio, Miranda, Nioaque, Jardim, Bonito, Bela Vista, Antônio João, Caracol, Bela Vista, Coxim, Rio Verde, Santa Rita do Pardo, Amambai, Porto Murtinho, Coronel Sapucaia, Japorã, Tacuru, Eldorado, Novo Horizonte do Sul, Itaquiraí, Sete Quedas e Iguatemi.

Essas cidades sofreram diversos danos públicos e privados, principalmente na área rural, e os prejuízos ultrapassaram a capacidade de resposta dos municípios afetados. O número de famílias afetadas poderia ter sido maior, se não fosse a ação do Governo do Estado, que entregou 35 pontes de concreto em áreas vulneráveis.

Alerta

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil implantou neste ano um sistema de alerta de desastres naturais via SMS, para agilizar medidas preventivas e garantir a segurança. Quem quiser se inscrever para ser alertado basta enviar uma mensagem de texto pelo celular para o número 40199 com o CEP da região.

"É um alerta para a possibilidade de desastres naturais. Não é previsão do tempo. É uma ferramenta para poder alertar e orientar à população em caso desastre natural", explica o tenente-coronel.

Envie seu Comentário