06/03/2018 09h20

Guarda Civil Municipal de Fronteira receberápistolas de choques spark e coletes balísticos

Segundo o Secretário, "esses equipamentos virão em um momento em que e preciso apertar as ações contra o crime."

Divulgação (AD)
 
 
Secretário de Segurança, Marcelino Nunes com Ministro Carlos MarunSecretário de Segurança, Marcelino Nunes com Ministro Carlos Marun

Na sexta-feira, 02 de março, durante a visita do Ministro da Secretaria de Governo da Presidência da República Carlos Marun, a Ponta Porã o Secretário municipal de Segurança pública Marcelino Nunes e o Prefeito Hélio Pellufo Filho solicitaram a doação de setenta pistolas de choque elétrico da marca Spark. Segundo o Secretário, "esses equipamentos virão em um momento em que e preciso apertar as ações contra o crime."

Armamento menos letal homologado pelo Exército Brasileiro no final de 2011 a arma de fabricação brasileira Spark corta automaticamente a corrente após 5 segundos do momento do disparo, o que dificulta a ocorrência de choques prolongados de forma involuntária (a memória do dispositivo armazena os últimos 1.000 disparos, para que possa haver auditoria sobre seu uso).

Além disso, libera 40% menos energia transferida durante o choque, suficiente para incapacitar temporariamente um indivíduo e com muito mais segurança, reduzindo ao máximo o risco de acidentes fatais durante as Operações Policiais desenvolvidas pela Guarda Civil Municipal de Fronteira-GCMFRON.

Também foram pedidos pelo prefeito, a doação de setenta coletes balísticos que serão utilizados na legitima defesa da corporação e de terceiros no combate frontal aos crimes de fronteira, que tanto têm assolado a tranquilidade da população pontaporanense, tendo em vista que esta região ultimamente se tornou rota de fuga de criminosos de alta periculosidade vindos de outros estados brasileiros.

O Ministro se prontificou a atender o pedido do prefeito, e estará disponibilizando o rol de armamento menos letal, que se somará ao arsenal bélico da GCMFRON. Esta é uma ação da Secretaria Municipal de Segurança Pública que feito várias operações com as outras forças policiais visando dar mais segurança à população fronteiriça.

Envie seu Comentário