06/11/2017 18h

Ponta Porã: Chuvas deixam estragos e danificam obras da prefeitura

Forte volume d´água deixou estragos na ponte da rua Corinto e prejudicou manutenção de vias

Divulgação
 
 
Contenção de concreto não suportou volume d´águaContenção de concreto não suportou volume d´água

O temporal do último fim de semana provocou estragos em várias regiões de Ponta Porã, principalmente na região norte da cidade, por onde conforme o serviço de meteorologia, uma forte ventania atravessou a cidade arrancando árvores, destelhando casas e danificando obras realizadas pela prefeitura de Ponta Porã, como a ponte sobre a rua Corinto.

Com o forte volume d´água, as alas laterais de concreto não suportaram a vazão, já que a obra estava em andamento e com a fragilidade do material de concreto utilizado na obra, a força da correnteza abriu fendas na contenção, deixando estragos. Logo nas primeiras horas da manhã de domingo, o prefeito Hélio Peluffo já recebeu relatório da situação das obras. Ruas que estão recebendo pavimentação e lama asfáltica também foram atingidas pela forte correnteza que se formou.

Ruas em manutenção com serviço de patrolamento e cascalhamento foram danificadas, como na região do bairro Jardim Planalto. Na área central da cidade, árvores foram arrancadas na raíz, casas e carros foram atingidos.

A cobertura do posto Divisa, localizado na saída para a MS 164, via Antonio João e Distrito de Nova Itamarati, foi totalmente arrancado pela força do vento. Parte da cidade ficou por várias horas sem serviço de abastecimento de energia.

A Coordenadoria de Defesa Civil de Ponta Porã realiza desde sábado um minucioso levantamento para apurar os estragos do temporal em toda a cidade.

 
Obra de ponte sobre a rua Corinto, na Vila Áurea foi danificadaObra de ponte sobre a rua Corinto, na Vila Áurea foi danificada

Envie seu Comentário