22/02/2018 09h10

Prefeitura abre aulas da Escola Municipal de Trânsito

Parceria com Ministério Público Estadual e Detran-MS fortalecem objetivo de humanizar leis

Divulgacao (A.D)
 
 
Prefeito Hélio destacou relevância da Escola de TrânsitoPrefeito Hélio destacou relevância da Escola de Trânsito

A prefeitura de Ponta Porã, através da secretaria municipal de Segurança Pública, lançou oficialmente as aulas da Escola Municipal de Trânsito ´Rafael Mendes Espíndola´, na sede do departamento de trânsito do município, através do programa ´Trânsito na Escola – Formação do Jovem Condutor´. O ato marca o início das atividades relacionadas à difusão das leis de trânsito para adolescentes, estudantes que passarão a ter acesso ao ensino da disciplina. O funcionamento da Escola Municipal de Trânsito é feito em parceria com o Ministério Público Estadual (MPE-MS) e o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS). Nesta primeira etapa, alunos da Escola Estadual ´Dr. Miguel Marcondes Armando´ serão contemplados com aulas. O ato de lançamento contou com apresentação cultural e a entrega de kit multimídia através de doação do Ministério Público Estadual. O termo de doação foi assinado pelo prefeito Hélio Peluffo, promotor público Gabriel Rodrigues e o secretário municipal de Segurança Pública, Marcelino Nunes. O prefeito Hélio Peluffo destacou o papel fundamental da escola visando humanizar o trânsito em todo seu contexto, iniciando pelos adolescentes. "Temos que educar para remediar e prevenir", enfatizou Peluffo. O prefeito lembrou que na fronteira o uso e costume muitas vezes se sobrepõe à Lei, como é o caso do uso do capacete. "Temos que conviver com isso diariamente", destacou, citando que o alto volume de acidentes impacta diretamente nos custos da saúde pública. Peluffo lembrou ainda que a conservação das ruas é um grande desafio atual, haja vista que "tem buraco na água esperando para descer" e isso também reflete diretamente no número de acidentes. Ele citou que Ponta Porã tem uma das maiores frotas de veículos do Estado "e apenas essa condição já exemplifica nossa preocupação em melhorar, cada vez mais, o trânsito como forma de qualidade de vida", enfatizou. O promotor público Gabriel da Costa Rodrigues Alves disse que o funcionamento da escola municipal de trânsito é inédito no Brasil. O Ministério Público Estadual efetivou a doação de kit multimídia a ser utilizado nas aulas. O secretário de Segurança Pública, Marcelino Nunes lembrou da importância da parceria entre prefeitura, Ministério Público Estadual e a Escola Estadual ´Miguel Marcondes Armando´ no início desse processo de conscientização sobre as leis de trânsito. O diretor da Escola Estadual ´Dr. Miguel Marcondes Armando´ reforçou a importância do ensino relacionado ao trânsito. ESCOLA DE TRÂNSITO - Os vereadores de Ponta Porã aprovaram a criação desse importante mecanismo que vai atuar na humanização do trânsito. Trata-se da Escola Pública Municipal de Educação de Trânsito Rafael Mendes Espíndola. A votação foi realizada dia 3 de novembro de 2016. A escola tem como atribuições promover, de acordo com as Normas Brasileiras de Trânsito, cursos referentes à educação no trânsito destinado aos alunos das redes pública e particular além do público em geral. Também a capacitação, aperfeiçoamento e atualização dos servidores que atuam no trânsito. Outra missão da escola será promover eventos educativos nas unidades de ensino da cidade, organizar palestras, bem como diversas atividades que visam promover a melhoria da qualidade da educação no trânsito. Ao analisar a proposta, encaminhada pelo Poder Executivo Municipal, os parlamentares entenderam a importância de se criar os meios necessários para assegurar a educação no trânsito. As ações a serem realizadas pela Escola Pública Municipal de Educação no Trânsito ´Rafael Mendes Espíndola´ contribuirão significativamente para a preservação de vidas, bem como reduzir os danos materiais relacionados aos constantes acidentes que geram enormes transtornos e, eventualmente luto, às famílias pontaporanenses. O pai do jovem Rafael Mendes Espíndola, morto em acidente de trânsito, participou do ato de lançamento das aulas e enfatizou que a escola tem como meta buscar a conscientização e humanização para preservação de vidas no trânsito.

Envie seu Comentário