03/10/2017 15h10

Projeto reconhece a viola caipira sul-mato-grossense como patrimônio cultural

O deputado estadual João Grandão é o autor da proposta

Agência ALMS
 
 
O deputado estadual João Grandão é o autor da proposta Foto: Victor Chileno / ALMSO deputado estadual João Grandão é o autor da proposta

Foto: Victor Chileno / ALMS

Por: Heloíse Gimenes

A influência dos costumes fronteiriços fez emergir uma maneira diferente de tocar a viola em Mato Grosso do Sul. O instrumento reproduz no cenário musical a identidade cultural do pantaneiro. Reconhecendo a importância deste símbolo da música popular, o deputado estadual João Grandão (PT) apresentou nessa terça-feira (3/10), Projeto de Decreto Legislativo que declara a viola caipira sul-mato-grossense como Patrimônio Histórico, Cultural e Imaterial do Estado.

"Em 1977, os artistas regionais desenvolveram nas suas músicas uma interrelação com o Pantanal. A viola caipira é um instrumento que tem participação efetiva na criação da identidade do Estado. Hoje, o povo brasileiro reconhece pelo som da viola o cotidiano do homem pantaneiro", destacou o parlamentar.

Em sua justificativa, João Grandão ressaltou a contribuição da pesquisa do músico Marcos Assunção, graduado pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). "Ele realizou um trabalho de pesquisa cultural e musical que, pelo sincretismo e qualidade das fontes, resultou em uma linguagem original, inspirada pela incomensurável riqueza das mais diversas vertentes da música brasileira", falou o parlamentar.

Envie seu Comentário