27/12/2017 15h20

Menino se afoga em lagoa nos fundos de bairro em Campo Grande.

Garoto estava brincando com outras duas crianças. Segundo o Corpo de Bombeiros, vítima foi socorrida e levada inconsciente para hospital.

G1MS
 
 
Lagoa fica nos fundos do bairro Moreninha, em Campo Grande (Foto: Graziela Rezende/G1 MS).Lagoa fica nos fundos do bairro Moreninha, em Campo Grande (Foto: Graziela Rezende/G1 MS).

Um menino de 9 anos se afogou em uma lagoa que fica nos fundos do bairro Moreninha, região sul de Campo Grande, na tarde desta terça-feira (26). Segundo o Corpo de Bombeiros, o garoto foi socorrido e levado inconsciente para a Santa Casa.

"O menino foi retirado por populares e, quando chegamos, fizemos a manobra de ressuscitação. Ele chegou a ser reanimado, mas foi levado para o hospital sem sinais vitais", relatou o sargento do Corpo de Bombeiros Franklin Gonçalves Fonseca.

De acordo com moradores, duas crianças que estavam brincando com o menino e saíram da lagoa pedindo socorro, dizendo que menino estava submerso há 20 minutos.

A dona de casa Gabriela Rodrigues de Lima, de 27 anos, mora perto da lagoa e relatou que as crianças chegaram gritando na residência dela. "Eu disse a eles que não sabia nadar, mas meu filho pulou e tentou tirar o menino. Eu sempre peço para crianças não irem nesse lago. É uma tragédia que já estava para acontecer."

O motorista autônomo José Carlos Nascena parou caminhão, viu o que estava acontecendo e pulou na lagoa. Segundo ele, no terceiro mergulho, conseguiu puxar o menino pelo pé.

"Hoje, como não estava tão quente, só tinham três crianças. Mas em dias de muito calor, já chegou a ter de 15 a 20 crianças. Quando a gente pede pra eles saírem, agem com rebeldia e até xingam a gente", afirmou o motorista.

Segundo a assessoria da Santa Casa, o estado de saúde do menino é grave. Até a publicação desta reportagem, a vítima estava sendo entubada e permanecia inconsciente.

Além do Corpo de Bombeiros, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi ao local.

Moradores disseram que essa lagoa já foi motivo de muita discussão e de pedido de providências porque as crianças tomam banho lá frequentemente.

 
Portão de entrada para a lagoa vive aberto, segundo moradores (Foto: Graziela Rezende/G1 MS).Portão de entrada para a lagoa vive aberto, segundo moradores (Foto: Graziela Rezende/G1 MS).

Envie seu Comentário