Ponta Porã, Segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018
12/02/2018 08h40

Artigo: Uma mensagem de esperança

Pr. Oziel Gustavo Marian

 
 

O livro de Isaias relata o período da história do povo de Israel, na qual foram derrotados, saqueados e escravizados pela Babilônia, pais vizinho hoje conhecido como Iraque. A situação do povo não era fácil: famílias foram separadas, perderam suas riquezas e tiveram que fazer o trabalho pesado em troca de sobrevivência.

Então surge o lamento e a queixa do povo, acusando Deus de tê-los abandonado. Mas mesmo que esta situação tenha sido consequência da desobediência do povo, pois eles é que esqueceram de Deus. Não significa que Deus não amava e tinha o abandonado o povo.

Deus, por meio dos profetas, havia feito vários alertas e tentativas para que o povo voltasse a adora-lo e mesmo agora, quando tudo parecia acabado, Deus envia uma mensagem de esperança para que eles possam suportar a situação e também voltar a confiar em Deus e adorá-lo (leia Isaías 40.21-31). É uma mensagem que convoca o povo a lembrar do criador de tudo, a lembrar que Deus está muito acima e é muito mais poderoso do que qualquer governante, inclusive daqueles que os fizeram prisioneiros.

É uma mensagem de esperança, pois nela há uma promessa de que Deus dará forças para que seu povo suporte as aflições e mais o que isso, por meio desta mensagem, Deus promete salvar o seu povo (capítulos 41 e seguintes). Sendo assim, mesmo que o povo, naquele momento, estivesse vivendo uma situação difícil, o futuro lhes seria favorável. Alguns anos depois eles foram libertados e puderam voltar para Israel.

Embora nossa situação não seja tão dramática quanto a do povo de Israel, nós temos muito o que lamentar. Também vivemos uma realidade triste e dolorosa: o mundo gera riquezas, como nunca antes na história, mas as riquezas param nas mãos de poucos acumuladores; nossa política é uma vergonha mundial, cada governante só pensa em si mesmo. Não estão preocupados com o povo e nem com o resto do mundo; a ética e a moralidade da população estão decadentes; a saúde humana está destroçada; o meio ambiente está dando gritos de que não suporta mais tanta poluição e destruição; a violência nos faz prisioneiros na própria casa; etc.

A lista é maior, mas não quero que saiam deprimidos daqui. Deus também não quer isso. Pois em meio a mensagem de esperança para o povo de Israel, Deus já anuncia uma mensagem de esperança para nós hoje (leia Isaías 49.1-2, 6). A vida que Deus havia planejado, deu errado, o ser humano em sua liberdade de escolha estragou tudo. Basta olhar a nossa volta...

Mas eis que o plano de Deus é restaurar tudo. O que deu errado será corrigido e por isso, o desfecho da história só será ruim, para aqueles que não creem em Jesus, para aqueles que não fazem parte da comunidade de Jesus, o povo de Deus. Mas enquanto isto não se concretiza, precisamos da força que Deus concede àqueles que confiam nele. Enquanto Jesus não volta, estaremos sujeitos ao cansaço, ao desânimo, às frustrações e tantas outras coisas, que temos a sensação de derrota.

Mas o Senhor nos mantem! Vez e outra uma força e uma alegria tão grande nos invade, que a razão não consegue explicar. Não é uma força que vem de nós mesmos, é uma força que vem daquele que é mais forte do que nós. Meio que dizendo: aguenta firme, só mais um pouco...

Pr. Oziel Gustavo Marian

Igreja Evangélica Luterana

Rua Clodomiro Novaes, 182, Ponta Porã-MS.

Telefone 67-3431-0311 – Whatsapp 67-99811-1515

Envie seu Comentário