29 C
Ponta Porã
domingo, 14 de abril, 2024
InícioBrasil & MundoBrasil tem renda per capita de R$ 1.893 em 2023; veja ranking...

Brasil tem renda per capita de R$ 1.893 em 2023; veja ranking das UFs

Pessoas caminham na Avenida Paulista, na cidade de São Paulo
Paulo Pinto/Agência Brasil – 10.09.2023

Pessoas caminham na Avenida Paulista, na cidade de São Paulo

A renda per capita domiciliar do Brasil foi de R$ 1.893 em 2023. O montante representa um aumento de 16,5% em comparação com o ano anterior, quando o rendimento mensal médio foi de R$ 1.625. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira (28).

De acordo com o levantamento, o Distrito Federal tem o maior rendimento mensal do Brasil, com R$ 3.357. A unidade federativa é seguida por São Paulo (R$ 2.492), Rio de Janeiro (R$ 2.367), Rio Grande do Sul (R$ 2.304) e Santa Catarina (R$ 2.269), que completam o top 5.

Já os estados das regiões Norte e Nordeste são os piores ranqueados. O último lugar na lista de rendimento mensal em 2023 foi o Maranhão , com apenas R$ 945. A quantia é o equivalente a 28,2% da renda registrada o Distrito Federal .

Segundo o IBGE, o rendimento representa a razão entre o total das rendas domiciliares e o número de moradores. Assim, o instituto leva em consideração todos os recursos obtidos com o trabalho e outras fontes.


“Todos os moradores são considerados no cálculo, inclusive os pensionistas, empregados domésticos e parentes dos empregados domésticos”, afirma o IBGE.

Rendimento domiciliar per capita em 2023

1 – Distrito Federal 3.357
2 – São Paulo 2.492
3 – Rio de Janeiro 2.367
4 – Rio Grande do Sul 2.304
5 – Santa Catarina 2.269
6 – Paraná 2.115
7 – Mato Grosso do Sul 2.030
8 – Goiás 2.017
9 – Mato Grosso 1.991
10 – Minas Gerais 1.918
11 – Espírito Santo 1.915
Brasil 1.893
12 – Tocantins 1.581
13 – Rondônia 1.527
14 – Amapá 1.520
15 – Roraima 1.425
16 – Rio Grande do Norte 1.373
17 – Piauí 1.342
18 – Paraíba 1.320
19 – Pará 1.282
20 – Sergipe 1.218
21 – Amazonas 1.172
22 – Ceará 1.166
23 – Bahia 1.139
24 – Pernambuco 1.113
25 – Alagoas 1.110
26 – Acre 1.095
27 – Maranhão 945

Fonte: Nacional