Ao mesmo tempo que Mato Grosso do Sul atingiu a marca de 3 milhões de doses de vacina aplicadas, os dados do boletim epidemiológico desta sexta-feira (27) seguem em tendência de desaceleração nos principais indicadores da doença: novos casos, internações e taxa de contágio seguem em queda. Os dados referente aos óbitos vem mantendo estabilidade. 

Foram 285 novos casos registrados nesta sexta, sendo a maioria deles em Campo Grande com 144 confirmações. Paranaíba (+13), Três Lagoas (+13), Chapadão do Sul (+11), Dourados (+11) e Anastácio (+10) estão na sequência de cidades com mais casos registrados. A média móvel está em 371, sendo o menor patamar dos últimos 21 dias. A taxa de contágio voltou ao patamar de 0.87 nesta sexta-feira, mantendo tendência de estabilidade. 

Nas últimas 24 horas a Secretaria de Estado de Saúde (SES) registrou 12 novas mortes pela doença de pessoas que residiam em quatro municípios de Mato Grosso do Sul: Campo Grande (+7), Aquidauana (+2), Corumbá (+2) e Dois Irmãos do Buriti (+1). A média móvel se mantém estável com 14 óbitos registrados diariamente na última semana.  

As internações também estão mantendo tendência de queda. Desde quarta-feira (25) o número de pacientes internados pela Covid no Estado está abaixo de 300, sendo 266 nesta sexta-feira, sendo 109 em leitos clínicos e 157 em leitos de UTI. 

A taxa de ocupação global de leitos SUS/UTI está abaixo de 60% nas quatro macrorregiões de Mato Grosso do Sul. Campo Grande está com 59%, Dourados 46%, Três Lagoas 50%, e Corumbá 26%. Apenas Corumbá não possui nenhum paciente confirmado ou suspeito de Covid em leito SUS/UTI. 

O único indicador em elevação é o da vacina que já atinge 72,66% da população geral de Mato Grosso do Sul vacinada com a primeira dose. Levando em conta a população com o ciclo vacinal completo o índice é de 42,80%. 

O secretário de saúde, Geraldo Resende comemorou o fato de Mato Grosso do Sul ter ultrapassado a marca de 3 milhões de doses aplicadas. “É importante que a gente possa comemorar esse dado, dos quais 1 milhão são na nossa capital. Somos o primeiro Estado a imunizar adolescentes com e sem comorbidades. E agora o primeiro a iniciar o processo de imunização em idosos e pessoas imunossuprimidas”. 

Mato Grosso do Sul mantém ritmo de desaceleração da Covid

A afirmação foi durante live de apresentação dos dados Covid, onde o titular da SES aproveitou para convocar os gestores municipais para um mutirão pela vida ao longo do final de semana. 

“Solicito a todos os secretários de saúde e equipes municipais que estejamos de fato realizando hoje, amanhã e domingo o mutirão da vacina. Recebemos um quantitativo expressivo de vacinas durante essa semana, e o mais importante é que as vacinas que chegaram ontem terão novo endereço e seremos o primeiro Estado a vacinar com a terceira dose”, destacou. 

Confira aqui o detalhamento do boletim epidemiológico desta sexta-feira, 27 de agosto de 2021. 

Mireli Obando, Subcom

Foto: Saul Schramm

Fonte: Governo MS

Comentários