Durante a operação, as agentes além de encontrar droga pronta para consumo, constataram a precariedade dos quartos.

Agentes especiais da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas) fecharam uma casa de prostituição no Departamento Caaguazú, o local também funcionava como ponto de venda de drogas. A operação foi realizada no bairro Tacurú San Miguel na companhia do promotor Osvaldo García.

No momento da invasão, que foi acompanhada pelo promotor Osvaldo García, vários homens e mulheres estavam no complexo. Os intervenientes procederam à revisão de cada um dos quartos precários e detectaram 13 doses de cocaína e 4 porções de crack prontas para venda.

No entanto, os agentes da Senad não conseguiram encontrar a pessoa que provavelmente estava comercializando as substâncias entorpecentes. Ela já foi identificada pelo Ministério Público e um mandado de prisão está sendo expedido contra ela.

Fonte: Midiamax

Comentários