O Banco é o principal financiador dos produtores rurais do município é não pode simplesmente fechar uma agência.

O prefeito Hélio Peluffo Filho (PSDB), entrou em contato com a redação do site Pontaporainforma, informando que lhe causou estranheza uma noticia que está circulando nos meios de comunicação de Campo Grande de que a diretoria do Banco do Brasil iria fechar uma  das agências do banco em Ponta Porã.

“Tão logo tomei conhecimento dessa noticia, entrei em contato com as autoridades estaduais e federais  procurando saber a veracidade do que estava sendo divulgado, o que foi negado de pronto que a agência da fronteira faça parte de uma possível alteração, pela diretoria do banco, como chegou a ser noticiado” disse Hélio Peluffo Filho.

Helio informou que falou com o secretário Jaime Verruck, da Semagro e também com a Ministra Tereza Cristina, dentre outras autoridades. 

O município é um dos maiores produtores de grãos do País e tem o vigésimo maior valor de produção agrícola nacional e o Banco do Brasil é estratégico nessa atividade. 

O próprio remanejamento de agências que foi anunciado não está confirmado, pois houve forte reação do presidente Bolsonaro ao projeto da diretora do Banco do Brasil.

Hélio tranquilizou a comunidade esclarecendo que a agência de Ponta Porã não está no rol das eventuais mudanças.

Comentários