17.4 C
Ponta Porã
segunda-feira, 4 de julho, 2022
InícioBrasil & MundoPrefeitura de São Paulo anuncia recursos de R$ 231,6 mi para escolas

Prefeitura de São Paulo anuncia recursos de R$ 231,6 mi para escolas


source
Prefeitura lança programa e anuncia recursos de R$ 231,6 milhões para melhorias de escolas
Agência Brasil

Prefeitura lança programa e anuncia recursos de R$ 231,6 milhões para melhorias de escolas

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes anunciou na manhã desta terça-feira (24) a liberação de R$ 231,6 milhões referentes à segunda parcela do Programa de Transferência de Recursos Financeiros (PTRF) destinados a obras de manutenção das escolas municipais. Os repasses começam em junho.

Além disso, o prefeito lançou o programa Cuidando da Escola que promoverá a manutenção de cerca de 1,5 mil escolas municipais. O investimento é de aproximadamente R$ 50 milhões ao ano.

“Estamos lançando o Cuidando da Escola com 54 equipes, tendo num total, 600 profissionais para fazer as pequenas obras nos ambientes escolares com agilidade para não deixar aula parada. Também fizemos adequações necessárias para que R$ 504 milhões vão direto para as escolas fazerem ações emergenciais e rápidas como de hidráulica, elétrica, alvenaria, entre outras.”, explicou Ricardo Nunes.

Os grêmios estudantis em 386 unidades educacionais terão R$ 1,9 milhão para realizarem suas atividades, conforme declarou o prefeito. “Cada grêmio estudantil terá à disposição R$ 5 mil para fazer para custear despesas e colaborar com ações dos estudantes que tragam melhorias para o ambiente escolar como atividades educacionais, esportivas e culturais”, completou.

Programa

A criação do programa Cuidando da Escola possibilitou a contratação de uma equipe de 600 profissionais para trabalhar, exclusivamente, na manutenção de cerca de 1,5 mil escolas municipais distribuídas em toda a capital. O investimento é de aproximadamente R$ 50 milhões por ano.

O objetivo do programa é facilitar e agilizar consertos e melhorias dentro das unidades, minimizando o impacto no andamento das atividades pedagógicas e garantindo o bem-estar geral de estudantes e professores.

Os 600 funcionários estão divididos em 54 equipes formadas por eletricistas, encanadores, pintores, serralheiros, carpinteiros, serventes e encarregados. Cada grupo de 10 ou 13 colaboradores é liderado por um encarregado e cada um conta com o apoio de engenheiro civil e engenheiro eletricista. As escolas vão adquirir os materiais necessários para as reformas. O grupo de manutenção escolar prestará serviços de segundas às sextas-feiras, no período de 8h às 16h.

Segundo o secretário de Educação, Fernando Padula, a medida vai ajudar a manter a qualidade da infraestrutura das escolas, o que necessariamente reflete e colabora com a aprendizagem dos estudantes. “Os problemas devem ser resolvidos rapidamente para que não haja impactos na rotina escolar. Com isso, vamos garantir uma educação cada vez de melhor qualidade”, disse Padula.

Obras

Estão em andamento as obras de manutenção de 236 escolas da rede municipal. Os contratos preveem a manutenção dos telhados e lajes das escolas, revisão dos sistemas elétricos e hidráulicos, reforma de pisos, azulejos, forro e revestimentos.

Nas áreas externas, será executada a revisão das canaletas de águas pluviais, reforma das calçadas, adequação do paisagismo, reforma dos alambrados, além de pintura das áreas internas e externas. Para garantir as intervenções, o investimento é de R$ 92,5 milhões.

Ainda sobre melhorias na infraestrutura, outra ação da Prefeitura é a cobertura de 95 quadras poliesportivas realizada por meio do Programa Municipal de Cobertura de Quadras Esportivas das Unidades Escolares. A ação formaliza uma política pública destinada a melhorar os equipamentos educacionais e, dessa forma, ampliar sua utilização. Foram destinados R$ 79,5 milhões para estas obras.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

MAIS LIDAS