12.2 C
Ponta Porã
quinta-feira, 11 de agosto, 2022
InícioTecnologiaVai comprar um carregador de celular? Veja quais cuidados tomar

Vai comprar um carregador de celular? Veja quais cuidados tomar

Veja quais cuidados tomar na hora de comprar um carregador
Divulgação/OPPO

Veja quais cuidados tomar na hora de comprar um carregador

Atualmente, é muito comum que consumidores utilizem carregadores não originais em seus smartphones e tablets. A prática não é problemática por si só, mas é necessário tomar alguns cuidados para não comprar acessórios falsificados que podem, além de danificar o dispositivo, causar problemas mais graves, como explosões.

Por isso, é importante conhecer o funcionamento dos carregadores para saber quais cuidados tomar na hora de comprar um novo. Gustavo Massette, gerente de Produtos da Positivo Tecnologia, empresa que representa a Anker no Brasil, explica como os acessórios funcionam.

“O carregador precisa completar quatro passos importantes com os componentes internos”, afirma o especialista. São eles:

  • Módulo Step Down: responsável por transformar a corrente;
  • Sistema de Retificação: responsável por eliminar a parte negativa da frequência, criando uma corrente contínua parcial e preparando o equipamento para o terceiro passo;
  • Filtro: etapa na qual, de fato, a energia vinda da tomada é transformada em uma corrente contínua;
  • Regulação: momento que garante o carregamento seguro dos aparelhos a partir da saída constante da energia para o celular ou tablet a ser energizado.

Além do funcionamento interno, carregadores com fio ainda demandam uma atenção especial na escolha dos cabos. Gustavo afirma que os consumidores devem sempre checar a qualidade do material utilizado no fio, inclusive a partir de informações como a quantidade de vezes pode ser dobrado e o tempo de garantia.

“Entre os cabos mais duráveis, podemos citar os que são feitos com fibra de aramida e envoltos em materiais resistentes, como nylon, PVC ou em TPE”, afirma o especialista.

Outra dica bastante importante é sempre comprar carregadores homologados pela Anatel, evitando versões ‘piratas’.

Fonte: IG TECNOLOGIA

MAIS LIDAS