“E, quando dizia isto, vendo-o eles, foi elevado às alturas, e uma nuvem o recebeu, ocultando-o a seus olhos” (At 1.9).

Jesus Cristo foi concebido pelo poder do Espírito Santo no ventre de uma virgem: “Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, achou-se concebido do Espírito Santo” (Mt 1.18). Jesus, Filho de Deus, Filho de mulher: “E eis que em teu ventre conceberás, e dará à luz um filho, e pôr-lhe-às o nome de Jesus” (Lc 1.31).  Jesus, o Filho de Deus, nascido de mulher, é o único e suficiente Salvador e Senhor: “E ela dará à luz um filho, e lhe porás o nome de JESUS, porque ele salvará o seu povo dos seus pecados” (Mt 1.21).

Com trinta e três anos de idade, Jesus foi crucificado e morto para o perdão dos pecados de toda a humanidade. Foi sepultado, mas ressuscitou dos mortos ao terceiro dia como havia dito anteriormente aos seus discípulos. Ressuscitado, Jesus apareceu aos seus apóstolos e a muitas outras pessoas que conheciam Ele. Jesus passou quarenta dias após sua ressurreição, ensinando aos seus discípulos, tudo o que eles deveriam fazer. Pregar o evangelho da salvação a todas as gentes. A partir dali, Jesus acompanha os discípulos e a todos que creem; e os sinais de que Jesus está com os que creem, são os milagres.

Após as últimas palavras proferidas aos discípulos, Jesus foi subindo para o céu na frente deles, e uma nuvem o envolveu e o cobriu, e foi para junto do Pai: “E, quando dizia isto, vendo-o eles, foi elevado às alturas, e uma nuvem o recebeu, ocultando-o a seus olhos. E, estando com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles se puseram dois varões vestidos de branco, os quais lhes disseram: Varões galileus, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir” (At 1.9-11).

Assim como subiu aos céus, Jesus irá retornar à terra em seu corpo glorificado e imortal, depois que o evangelho for pregado a todas as pessoas: “E este evangelho do Reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as gentes, e então virá o fim” (Mt 24.14). Somente crendo e obedecendo ao evangelho do Reino, seremos ressuscitados em corpos glorificados, imortais e eternos: “Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo, homem” (1ªTm 2.5).

A vinda do Senhor Jesus Cristo à terra, será precedida de grandes sinais: “Porque haverá, então, grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco haverá jamais” (Mt 24.21). “E haverá sinais no sol, e na lua, e nas estrelas, e na terra, angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas; homens desmaiando de terror, na expectação das coisas que sobrevirão ao mundo, porquanto os poderes do céu serão abalados. E, então verão vir o Filho do Homem numa nuvem, com poder e grande glória” (Lc 21.25-27). Deus abençoe!

Por: Eloir Vieira

Comentários