9 C
Ponta Porã
domingo, 14 de julho, 2024
InícioEsportesDiante da crise de rejeição, interventor da CBF concede coletiva

Diante da crise de rejeição, interventor da CBF concede coletiva

O ex-presidente operariano vai encontrar uma rejeição grande por parte dos seus colegas presidentes

O interventor indicado pela CBF, Estevão Petrallas, vai falar pela primeira vez sobre a indicação feita pela entidade máxima do futebol brasileiro. O assunto será explanado em uma entrevista coletiva no auditório da CDL, zona leste de Campo Grande. O ex-presidente operariano vai encontrar uma rejeição grande por parte dos seus colegas presidentes, que entregaram um documento de não aprovação do nome ao Tribunal de Justiça Desportiva.

O mal estar aconteceu durante a reunião dos dirigentes, onde todos foram “pegos” de surpresa com a indicação do nome do operariano. Mesmo sendo interventor indicado, que na prática poderia ser qualquer uma pessoa da sociedade, agora surge também que Estevão Petrallas não está registrado como um dos vice-presidentes. O assunto foi levantado pelo cronista Thiago Lopes de Faria e na ata de registro a um cartório da cidade. O site também teve acesso e realmente não consta nome de Estevão Petrallas como um dos vices.

Agora, o Tribunal de Justiça Desportiva tem as duas informações. A primeira que a CBF indicou um interventor por 90 dias, até que o atual presidente responda as acusações apresentadas na Operação Cartão Vermelho de conhecimento de todos. A outra, que os clubes assinaram (veja a lista abaixo) de não aceitar a presença de Petrallas na cadeira principal da Federação de Futebol do Mato Grosso do Sul.

O prejuízo também já começa a ser sentido. A primeira já é o adiamento para uma semana do Estadual sub-20, que em virtude de problemas com o site da entidade. Sem o registro de jogadores não haverá condições dos clubes entrar em campo. O site está fora do ar há mais de 48 horas.

Diante da crise de rejeição, interventor da CBF concede coletiva

Fonte: Esportems