Foto: Noticia de Ponta

Vítima pediu aos assassinos para não atirarem porque no local havia crianças

Um homem foi executado na manhã dessa quinta-feira, dia 19, em Ponta Porã.

De acordo com informações, o homem, ainda não identificado, estava em um mercadinho localizado no bairro Jamil Saldanha Derzi quando homens chegaram para executá-lo. Ao ver os assassinos, o homem pediu para que nada fizessem porque ali havia crianças, momento em que saiu correndo, foi alcançado e fuzilado por fuzil 5.56mm e pistola 9mm. A vítima foi atingida pelos disparos e morreu no local.

Conforme videos que circulam em rede social, a vítima estava morando no bairro a pouco tempo.

A policia foi acionada e encontrou 40 cápsulas de arma de fogo, sendo 20 de pistola 9mm e 20 de fuzil 5.56mm.

Corpo foi levado ao IMOL.

Comentários