João Natalicio
João Natalicio

INFORME JN

A LÍDER

* Liderança é coisa séria. Tem muita gente comentando a respeito da escolha do prefeito Hélio Peluffo de colocar uma vereadora como sua líder no Legislativo Municipal. Todo mundo já sabe que o chefe do Executivo não faz escolha errada. Primeiro, porque a vereadora Ângela Derzi é comprovadamente competente para desempenhar a função de líder do prefeito na Câmara Municipal; e segundo, porque a vereadora sendo do PSDB, faz parte da jogada política de Hélio Peluffo que tem planos audaciosos para crescer politicamente e chegar mais longe ao lado do governador tucano Reinaldo Azambuja. Não se esqueçam: o Helinho sabe o que faz.

* Outra batalha que pode dar o que falar na Câmara Municipal de Ponta Porã é a escolha do novo presidente da Casa de Leis. Por enquanto, todo mundo está sabendo que a vaga seria do tucaninho da República da Vila Áurea, Vanderlei Avelino. Gente fina barbaridade! Mas ele que fique esperto. Tem um vereador bitola larga, também tucano como ele, com o mesmo objetivo e apoiado por um esquema forte. Segundo os entendidos democracia é isso…

* Falar em democracia, até quando vai essa crise desajustada envolvendo os três poderes da República? Conforme alguns comentaristas políticos experientes e juristas conceituados, essa bagunça toda que não interessa à população brasileira, seria alimentada pelos partidos de esquerda que desejam retornar ao poder. Outros, porém, acreditam que toda essa crise que nunca acaba, alimentada por poderosos veículos de comunicação e que leva todo mundo para o buraco, faz parte do jogo político dos adversários do presidente Jair Bolsonaro que fala o que não deve e na hora errada. Justiça seja feita: esse Bolsonaro tem fôlego de gato e de boca fechada é um verdadeiro diplomata.

E OS CANDIDATOS PARA 2022?

* Ainda há muitas incertezas com relação aos possíveis candidatos a presidente da República. Apesar do barulho que estão fazendo o cearense Ciro Gomes (PDT) e o juiz Sérgio Moro (Podemos) são dúvidas assim como outros integrantes dos partidos de esquerda. O PSDB do Fernando Henrique Cardoso tem várias opções, assim como João Dória, Tasso Jereissati e o Governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite e até o nosso conterrâneo Luiz Henrique Mandetta, por enquanto filiado ao DEM.

* Até o glorioso Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ainda não está totalmente com a ficha limpa para disputar a eleição. Se depender do Supremo Tribunal Federal ele será candidato, mas fontes militares garantem que ele ainda está com a ficha suja e nesse caso não poderá disputar a eleição para presidente da República. A bem da verdade, apesar do nariz torcido dos “contra”, o único que está pronto para disputar a eleição de 2022, é o presidente Jair Messias Bolsonaro. Se ele será ou não reeleito presidente da República, quem decide são os meus amigos Aureovaldo do Amaral, Astúrio Marques e Ney Magalhães.

FILIAÇÃO

* Falar no homem, já está marcada para o dia 22 deste mês de novembro em Brasília, uma grande convenção para marcar a filiação de Bolsonaro no PL. Os deputados de Mato Grosso do Sul, João Henrique Catan, Coronel David e Capitão Contar já confirmaram presença na festa bolsonariana, que já foi adiada e pode até dar em nada.

* E aqui em Ponta Porã a nossa preocupação é com a saúde do prefeito Hélio Peluffo que semana passada foi internado às pressas numa clínica médica especializada em Dourados, após sofrer um ataque isquêmico transitório. Vamos orar e pedir a Deus pelo nosso prefeito!

J. N. Oliveira[email protected]

Comentários