9 C
Ponta Porã
domingo, 14 de julho, 2024
InícioPolíciaPF e ICMBio deflagram a Operação Tinguá I para combater a caça...

PF e ICMBio deflagram a Operação Tinguá I para combater a caça na Mata Atlântica

Nova Iguaçu/RJ. Neste domingo, 23/6, a Polícia Federal, em ação conjunta com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), deflagrou a operação Tinguá I para desarticular uma rede de caçadores que atuava na Reserva Biológica do Tinguá, unidade de conservação de proteção integral da União, inserida no bioma da Mata Atlântica, que abrange seis municípios da Baixada Fluminense e Região Serrana.

A investigação – conduzida há um ano pela Delegacia de Polícia Federal em Nova Iguaçu – mirava caçadores ilegais de espécies da fauna local.

Na ação, policiais federais e servidores do ICMBio cumpriram mandado de busca e apreensão domiciliar, expedido pela Justiça Federal. A operação resultou na apreensão de:

– 14 trabucos calibre .28 (espécie de arma de fogo de fabricação artesanal utilizada para abate de animais silvestres).

– 2 armas calibre .32

– ⁠Mais de 100 munições de arma de fogo.

– ⁠Duas aves de espécies nativas da Mata Atlântica

– Carcaças de espécies nativas como tatu e paca.

Além da apreensão, foram destruídos ranchos de caça no interior da REBIO do Tinguá que eram utilizados pelos caçadores para abate da fauna silvestre. Um homem foi detido e conduzido à Delegacia de Polícia Federal em Nova Iguaçu, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência. Outros suspeitos foram identificados e seguem sendo investigados.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro
[email protected] | www.gov.br/pf
(21) 2203-4404

Fonte: Polícia Federal