Ponta Porã, Sábado, 21 de abril de 2018
27/12/2017 17h50

Reinaldo afirma estar despreocupado com eleições em 2018 e dispara que para ganhar é preciso combinar com eleitor.

"Não sou eu quem decide" frisou Azambuja destacando que quem deve tomar as decisões sobre as eleições do ano que vem é o PSDB.

Jornal O Progresso
 
 

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), afirmou não estar preocupado com as eleições em 2018. O chefe do executivo estadual lançou para o partido a responsabilidade de confirmar a sua suposta candidatura.

"Não sou eu quem decide" frisou Azambuja destacando que quem deve tomar as decisões sobre as eleições do ano que vem é o PSDB.

Em relação aos demais candidatos que devem disputar uma vaga no Governo do Estado, como os já confirmados Odilon de Oliveira (PDT) e André Puccinelli (MDB), Azambuja afinetou, "adversário a gente não escolhe. Tem gente que estava com o terno comprado para assumir o cargo e deu no que deu" dando referência, segundo o site, ao ex-senador Delcídio do Amaral.

Reinaldo garantiu que a vitória é resultado de uma combinação com os eleitores. Mas reafirmou, "não estamos preocupados com a eleição".

Agenda

Nesta quarta-feira (27), o governador participa de cerimônia católica para sancionar lei que institui Nossa Senhora do Perpétuo Socorro como padroeira de Mato Grosso do Sul.

Envie seu Comentário