Topmidianews

Em depoimento, a vítima contou que o homem a arrastou pelos cabelos e a espancou com socos, chutes e chegou a bater em sua cabeça com um botijão.

Homem de 25 anos, suspeito de torturar, manter em cárcere privado e ameaçar a namorada, uma adolescente de apenas 15 anos, foi preso,  em Chapadão do Sul.

A vítima foi torturada por mais de 12 horas e agredida com botijão de gás. A jovem foi mantida em cárcere privado desde a noite de terça-feira, até a tarde de ontem, conforme divulgado pela polícia.

Em depoimento, a vítima contou que o homem a arrastou pelos cabelos e a espancou com socos, chutes e chegou a bater em sua cabeça com um botijão de gás.

Ele também cortou o cabelo da adolescente com uma faca e a filmou ensanguentada dizendo que enviaria o vídeo para seus “irmãos” do PCC (Primeiro Comando da Capital).

O motivo das agressões teria sido ciúmes. A vítima conseguiu fugir por volta das 17h de ontem e procurou a delegacia junto com a mãe.

Diante das informações, os investigadores do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Chapadão do Sul realizaram diligências para localizar o autor e realizaram sua prisão em flagrante.

A vítima, que apresenta várias escoriações e hematomas pelo corpo, além de uma fratura no nariz, foi encaminhada para o Pronto Socorro do Hospital Municipal de Chapadão do Sul.

Adolescente de 15 anos sofreu na mão de homem de 25 anos em Chapadão do Sul

Comentários