Produtividade

Após quebra de 20,1% no ciclo passado, safra de inverno de milho de MS deve crescer 14,8%, projeta entidade

Produção deve passar de 7,838 milhões de toneladas para 9,002 milhões de toneladas; cerca de 8,4% da área que deverá ser semeada já foi plantada.

30/01/2019 06h20 - G1 MS

 
A medida que avança a colheita da soja, produtores já estão semeando o milho segunda safra em MS — Foto: Reprodução/TV MorenaA medida que avança a colheita da soja, produtores já estão semeando o milho segunda safra em MS — Foto: Reprodução/TV Morena

Após registrar uma quebra de 20,1% no ciclo passado provoca principalmente pela estiagem prolongada, a nova safra de inverno de milho de Mato Grosso do Sul deve crescer 14,8%, passando de 7,838 milhões de toneladas para 9,002 milhões de toneladas. É o que aponta a mais recente circular do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (SIGA), divulgada nesta segunda-feira (28).

Conforme o SIGA, a medida que avança a colheita da soja, os produtores já estão plantando o cereal. Até sexta-feira (25), cerca de 8,4% da área que deverá ser cultivada nesta temporada já havia sido semeada, o que representa aproximadamente 161,1 mil hectares.

A região sul está com o plantio mais avançado, com 9%, enquanto que o norte está com 8,1% e o centro com 6,8% de média.

A previsão de aumento da produção de milho segunda safra no estado decorre, de acordo com as informações do SIGA, do incremento de área e de produtividade.

A área plantada com o cereal deve crescer 5,7%, passando de 1,814 milhão de hectares para 1,918 milhão de hectares. Já a produtividade deve crescer 11,5%, subindo de 70,1 sacas por hectare para 78,2 sacas por hectares.

Envie seu Comentário